UAI
Publicidade

Estado de Minas Arte final

Mais inclusão e empoderamento nas melhores campanhas do ano


02/01/2022 04:00 - atualizado 30/12/2021 17:59

Campanha do Boticário
A campanha para o Dia dos Pai foi inspirada na historia real de pai e filha (foto: Boticário/Divulgação)

 
Em outra seleção de "As melhores campanhas de 2021", publicitários de diferentes agências apontam o Top 5 do ano. Usando como principais critérios a criatividade, impacto emocional, engajamento, alcance, repercussão, entre outros, observa-se convergência em vários trabalhos. Porém, alterna-se a posição no ranking. Nesta, Burger King, em "Como Explicar", aparece em primeiro lugar.  E "Novos Beijos Icônicos", em quinto. Veja as cinco primeiras campanhas desse ranking nacional:

"BEIJOS ICÔNICOS" A campanha que se tornou icônica, irritou os homofóbicos de plantão, a "Novos Beijos Icônicos", foi contratada pelo Mercado Livre para festejar o Dia LGBTI+. O filme escancarou beijos icônicos da cultura pop. Criada pela agência GUT, o comercial trouxe uma das que mais explícita sequência de beijos de casais homossexuais na publicidade brasileira até o momento. Com cenas inspiradas na cultura pop, o vídeo é um convite a normalizar #BeijosIconicos protagonizados por casais diversos. A campanha é considerada um marco e entrou para o Museu Eletrônico do Google.

BOTICÁRIO Bem ao seu estilo, a marca buscou um exemplo real para falar de amor incondicional. Com inteligência e sensibilidade, o Boticário relembrou o caso Marivaldo e Ana. Sob o conceito "Ser pai não é o colocar um filho no mundo, é colocar todo amor do mundo num filho", o filme apresentou a história de Marivaldo de Paula e Ana Cristina, sua filha. O pai tatuou um aparelho auditivo em sua cabeça, há cerca de 6 anos, para que sua filha se sentisse mais segura em usá-lo. A campanha foi criada pela AlmapBBDO,

COMO EXPLICAR? O filme criado para o Burger King propõe um convite à reflexão sobre a inclusão da comunidade LGBTQIA em nossa sociedade. Realizado com participação de especialistas de psicologia e em diversidade, o comercial retrata, de forma genuína e espontânea, a verdadeira perspectiva sobre a pluralidade e o amor, através do olhar das crianças. A campanha, desenvolvida pela Agência David, incomodou muitos radicais e recebeu vários ataques homofóbicos.

NOVAS FADAS O filme criado para a campanha global da Nike, sob lema "Vai no Novo" (Play New), foi convite às pessoas a descobrirem o esporte de um jeito diferente. A meta foi tornar o skate um esporte mais inclusivo para o público feminino, e se deu muito bem. O filme foi lançado em maio e tinha como protagonizado a menina Rayssa Leal, que se tornou medalhista de prata na categoria skate street, o que potencializou o sucesso da campanha.

DESCULPAS DESLAVADAS Muito comum nas rotinas dos milhares de lares brasileiros, as velhas desculpas para fugir das tarefas domésticas foram o mote da companha. Respostas como "não sei como faz", "quando fui fazer, você já tinha feito", entre outras foram transformadas em "Desculpas Deslavadas", tema da campanha da Brastemp. A ótima - e simples - sacada da agência FCB Brasil foi para tocar na falta de equidade de gênero no trabalho do lar. Além disso, marcou o posicionamento da marca contra os estereótipos de que tarefas como limpar, cozinhar e lavar roupas são deveres das mulheres, enquanto os homens recorrem às desculpas para não contribuírem no trabalho doméstico.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade