Publicidade

Estado de Minas

Termina greve dos técnico-administrativos da UFMG; categoria volta ao trabalho amanhã

Fim da paralisação significa a normalização de serviços essenciais à vida acadêmica, como biblioteca, laboratórios e colegiados


postado em 07/10/2015 12:11 / atualizado em 07/10/2015 12:13

Os servidores técnico-administrativos em educação da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) decidiram encerrar a greve iniciada há 132 dias. Em assembleia realizada nesta quarta-feira, os servidores decidiram voltar ao trabalho nesta quinta-feira. Na prática, o fim da paralisação significa a normalização de serviços essenciais à vida acadêmica, como biblioteca, laboratórios e colegiados.

Os 12 mil profissionais da UFMG, do Centro Federal de Educação Tecnológica (Cefet-MG), da Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri (UFVJM) e o Instituto Federal de Minas Gerais (IFMG), voltam ao trabalho nesta quinta-feira. “Aprovamos o retorno ao trabalho. Na terça-feira, foi assinado o acordo que já tinha sido aprovado anteriormente”, explica Cristina Del Papa, coordenadora geral do Sindicato dos Trabalhadores das Instituições Federais de Ensino (Sindifes).

Os técnicos administrativos concordaram com o acordo fechado com o governo federal que garantirá a recomposição de 10,5% no salário. O percentual será em duas vezes: 5,5% em 2016 e 5% em 2017. Os servidores pleiteavam um reajuste de 27,3% no piso da tabela, considerando as perdas de janeiro de 2011 a julho de 2016.

Fim da greve também na Universidade Federal de Lavras (UFLA), no Sul de Minas Gerais. A decisão de voltar ao trabalho amanhã foi tomada também nesta quarta-feira durante uma assembleia com a participação de professores e técnico-administrativos. A greve dos docentes durava há 91 dias e dos outros funcionários completaria 133 dias. Mesmo com a decisão ainda não há data definida para o retorno às aulas.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade