Publicidade

Estado de Minas

Alegações finais de Bola ainda não foram entregues à Justiça


postado em 13/12/2010 11:21 / atualizado em 13/12/2010 12:02

O Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG) informou, nesta segunda-feira, que a juíza Marixa Rodrigues, do Tribunal do Júri de Contagem, não recebeu as alegações finais do réu Marcos Aparecido dos Santos, o Bola. Os advogados deveriam ter protocolado até 10h o documento com as argumentações de defesa.

O prazo foi dado pela magistrada depois que ela considerou inválidas as alegações apresentadas na última sexta-feira. Para Marixa Rodrigues, a argumentação da defesa se ateve apenas à tentar anular o processo e deixou o réu totalmente indefeso. Diante da invalidação a juíza pode nomear um defensor público para o réu.

O advogado Zanone Manuel de Oliveira informou que vai protocolizar o documento ainda nesta tarde. Segundo o TJMG, mesmo com o vencimento do prazo determinado pela magistrada, ainda há chance de o defensor conseguir entrar com as alegações. Ele poderá entrar com a defesa, caso ela ainda não tenha nomeado outro advogado.

Siga no Twitter em_gerais

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade