Publicidade

Estado de Minas

Aeronáutica: ITA abre edital de seleção com 150 de nível médio

150 vagas para curso de graduação na área de Engenharia são oferecidas pelo instituto


11/08/2020 16:43

(foto: CB Gonçalves/CPOR )
(foto: CB Gonçalves/CPOR )
O Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA) abriu as inscrições para um novo concurso de admissão que será realizado em 2021. As inscrições, que estão abertas desde 1º de agosto, devem ser feitas exclusivamente pelo endereço eletrônico www.vestibular.ita.br, até dia 15 de setembro de 2020, com uma taxa de R$ 150.

Os aprovados vão compor o quadro de oficiais engenheiros da ativa e da reserva da Aeronáutica, onde receberão formação acadêmica de nível superior em especialidades de engenharia de interesse do setor Aeroespacial e, em particular, da Força Aérea Brasileira (FAB). 

São 150 vagas para ingresso no curso de nível superior especializado nas seguintes áreas de engenharia aeroespacial: aeronáutica, civil-aeronáutica, computação, eletrônica e mecânica-aeronáutica. A graduação tem cinco anos de duração e deve ser realizada na sede do instituto, em São José dos Campos, interior de São Paulo.

Para se candidatar, é necessário ter nível médio completo, ser solteiro(a), brasileiro(a) nato(a), voluntário(a) e ter até 24 anos de idade. O concurso de admissão tem validade somente para matrículas no início do primeiro semestre de 2021. O certame será dividido em três etapas: 

  • Primeira: exame nas disciplinas de matemática, física, química, português e inglês. Esta etapa está prevista para ocorrer no dia 22 de novembro de 2020, com duração de cinco horas à partir das 8h.

  • Segunda: duas provas em dois dias com questões na área de exatas, além de uma redação. Está prevista para ocorrer dia 8 de 9 de dezembro de 2020, com duração de quatro horas à partir das 8h.

  • Terceira: inspeção de saúde realizada pelo ES-SJ/SP.

As etapas do concurso ocorrerão em: Belém, Belo Horizonte, Brasília, Campinas, Campo Grande, Cuiabá, Curitiba, Fortaleza, Goiânia, Juiz de Fora, Londrina, Manaus, Natal, Porto Alegre, Recife, Ribeirão Preto, Rio de Janeiro, Salvador, São José dos Campos, São José do Rio Preto, São Luís, São Paulo, Teresina e Vitória. 

O curso tem duração de cinco anos. Os alunos receberão bolsa de estudo que compreende ensino e alimentação, além de serviços médicos e odontológicos. 
 
Do total de chances, 31 são para quem quiser seguir carreira no Quadro de Oficiais Engenheiro (QOEng) da FAB, e as demais 119 para quem não pretende permanecer na corporação após a formatura.

Para saber mais, acesse o site do Instituto Tecnológico de Aeronáutica, ou o edital de abertura. 


* Estagiária sob a supervisão de Lorena Pacheco 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade