Publicidade

Estado de Minas

GDF prorroga validade de processo seletivo para professores temporários

Seleção foi lançada em setembro de 2018 para formação de cadastro reserva de professores temporários da SEDF


postado em 31/10/2019 10:46

(foto: Bruno Peres/CB/D.A Press )
(foto: Bruno Peres/CB/D.A Press )
Saiu no Diário Oficial do Distrito Federal (DODF), desta quinta-feira (31/10), a prorrogação do prazo de validade do processo seletivo aberto pelo Governo do Distrito Federal (GDF) para formação de cadastro reserva de professores temporários, da Secretaria de Educação (SEDF). De acordo com a pasta, a intenção é que, com essa prorrogação, o governo consiga atender toda a demanda das vagas que surgirem no decorrer do ano letivo de 2020. Ou seja, não deve haver nova seleção para trabalho no ano que vem. 

Segundo a publicação, trata-se do edital de número 40, lançado em 3 de setembro do ano passado. Agora, a validade da seleção foi prorrogada por mais um ano, obedecendo o calendário escolar de 2020.  

A seleção foi organizada pelo Instituto Quadrix. De acordo com o edital, a remuneração para o cargo de professor substituto é fixada de acordo com a hora-aula. A referência são os vencimentos básicos correspondentes aos padrões iniciais da carreira Magistério Público do Distrito Federal. Assim, para professor de Educação Básica selecionado para a carga-horária de 20 horas, o salário é de R$ 1.929,43; enquanto que para professor de Educação Básica com 40 horas a remuneração é de R$ 3.858,87. 
 
Embora temporário, o contratado garante o direito ao pagamento de férias e 13º salário, proporcionais ao período trabalhado. Além disso, ainda podem ser adicionadas gratificações de atividade pedagógica, de alfabetização, de ensino especial, de zona rural, de docência em estabelecimento de ensino diferenciado e de atividade em estabelecimento de restrição e privação de liberdade. Com as gratificações, o salário pode ultrapassar os R$ 5 mil. 

Puderam concorrer candidatos com graduação nos cursos de administração, arte, atividades, biologia, biomedicina, ciências naturais, contabilidade, direito, educação física, eletrônica, eletrotécnica, enfermagem, farmácia, filosofia, física, fisioterapia, geografia, história, informática, LEM/espanhol, LEM/francês, LEM/inglês, LEM/japonês, letras Libras, língua portuguesa, matemática, música (comum a todos os componentes curriculares), nutrição, odontologia, psicologia, química, sociologia e telecomunicações. 

Saiba mais aqui. 


Publicidade