Publicidade

Estado de Minas

Ministério Público Militar vai abrir novo concurso com salário de R$ 24 mil

A previsão é que o certame seja lançado em 2020


postado em 13/08/2019 14:38

(foto: Divulgação/Facebook Ministério Público Militar)
(foto: Divulgação/Facebook Ministério Público Militar)
Ministério Público Militar (MPM), com sede no Distrito Federal, publicou no Diário Oficial da União (DOU), a comissão organizadora que agora está responsável pela realização de seu 12º concurso público, que visa provimento de vagas para o cargo de promotor de justiça militar. 
 
De acordo com a assessoria do órgão, o Ministério iniciou os estudos para realização do certame e a definição do quantitativo de vagas, mas a previsão é de que o edital seja publicado apenas em 2020. 

Para assumir o cargo, é necessário ser bacharel em direito, comprovar idoneidade moral e possuir, no mínimo, três anos de atividade jurídica. A remuneração atual do cargo é de R$ 24.057,33. 

Último concurso

O 11º concurso para promotor de justiça militar ocorreu em 2013 e ofertou nove vagas. As lotações foram para as cidades de Recife/PE, Belém/PA e Bagé/RS. Os candidatos foram avaliados por prova objetiva, subjetivas, orais, práticas e avaliações de títulos. 

Outras oportunidades

Conselho Regional de Serviço Social 8° Região (CRESS-8), no Distrito Federal, está com as inscrições abertas do novo processo seletivo que oferta duas vagas para agente fiscal e agente administrativo. As remunerações variam de R$ 1.800 a R$ 3.000 para uma carga horária de 30h semanais. 

Os interessados devem se inscrever presencialmente até 22 de agosto, das 14h às 18h, na sede do Conselho (SRTVN Conjunto P, Ed. Rádio Center, salas 3.139/3.140, Asa Norte – Brasília – DF – CEP 70.719-900).

O processo seletivo será organizado em duas etapas: entrega de currículo e, caso seja selecionado, entrevista pessoal. O cronograma do certame prevê que o resultado final saia dia 11 de setembro. Confira aqui mais informações!


* Estagiária sob a supervisão de Lorena Pacheco 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade