Publicidade

Estado de Minas

Governo do Amapá anuncia a autorização de cinco novos concursos públicos

Ainda não há previsão dos editais ou número de vagas


postado em 13/06/2019 09:51 / atualizado em 17/06/2019 05:32

Governador Waldez Góes assinando homologação e autorização dos concursos públicos(foto: Márcio Pinheiro/Governo do Amapá)
Governador Waldez Góes assinando homologação e autorização dos concursos públicos (foto: Márcio Pinheiro/Governo do Amapá)
O Governo do Amapá autorizou, por meio de publicação nas redes sociais, a realização de novos concursos públicos. Estão confirmados os certames para o Amapá Previdência (Amprev), Departamento de Trânsito do estado do Amapá (Detran) e dois concursos nas áreas de Saúde e Educação. 
 
De acordo com a assessoria de imprensa do governo, os estudos para os editais ainda estão em andamento, então não há previsão de quantas vagas ou cargos serão ofertados. 

Na publicação, o governador Waldez Góes anunciou também a homologação dos resultados finais dos concursos públicos da Fundação da Criança e do Adolescente (Fcria), Instituto de Administração Penitenciária do Amapá (Iapen) e Grupo Gestão Governamental. 

Os três concursos ofertaram 539 vagas para contratação imediata. Somadas às dez vagas do certame para oficiais da saúde da Polícia Militar (PMAP), homologado no mês passado, o Estado terá o ingresso imediato de 549 novos servidores. O governo também ampliou a validade dos concursos do Iapen, Fcria e Gestão para dois anos, podendo ser prorrogada por igual período.
 

Concurso para Assembleia Legislativa 

Também foi anunciado pela Assembléia Legislativa do Estado do Amapá um novo projeto básico para realização de um novo concurso público. O projeto foi aprovado pelo presidente da Assembléia Legislativa, deputado Kaká Barbosa (PR), permitindo que a comissão dê início à próxima etapa de contratação da empresa que realizará o certame.

As únicas informações confirmadas pela assessoria do órgão é que o lançamento do edital deve ocorrer entre o fim do mês de junho e início de julho mas que ainda não foi determinado a quantidade de vagas ou cargos a serem ofertados. 


Publicidade