Publicidade

Estado de Minas

MGS MG abre seleção com mais de 3.000 vagas de níveis fundamental e médio

As remunerações variam entre R$ 1.041,73 a R$ 1.608,62


postado em 26/04/2019 11:14 / atualizado em 30/04/2019 11:32

(foto: USP Imagens/Divulgação)
(foto: USP Imagens/Divulgação)
A empresa Minas Gerais Administração e Serviços (MGS) publicou um novo edital de processo seletivo público simplificado com 3.138 vagas de níveis fundamental e médio. O Instituto Brasileiro de Formação e Capacitação (IBFC) é o organizador. As remunerações variam entre R$ 1.041,73 a R$ 1.608,62. Confira aqui o edital completo.

As chances são para agente de informática e reprografia, auxiliar de apoio ao educando, cantineiro, oficial de manutenção escolar, porteiro escolar, servente escolar e capineiro. 

Os candidatos aprovados na seleção, assinarão Contrato Individual de Trabalho que se regerá pelos preceitos da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT).

Além da remuneração, há benefícios como:

  • Vale-Alimentação, nos termos do Programa de Alimentação do Trabalhador – PAT/MTE;
  • Vale-Transporte, somente para o transporte coletivo municipal/região metropolitana do município de lotação do empregado, em regime de coparticipação de acordo com a legislação vigente, não havendo pagamento de transporte para deslocamento intermunicipal;
  • Seguro de Vida em Grupo, conforme Convenção Coletiva de Trabalho da categoria profissional.

Quadro de vagas
Quadro de vagas
Os interessados podem realizar as inscrições abertas a partir desta sexta-feira (26/4) até o dia 26 de maio de 2019, sendo o dia 27 de maio o último dia para o pagamento do boleto bancário. A taxa de inscrição varia de R$ 35 e R$ 46.

Provas

A seleção será composta de prova objetiva, que deverá acontecer em 16 de junho de 2019, e análise de experiência profissional. Para alguns cargos, haverá também prova prática. 

Os exames objetivos serão de múltipla escolha e contarão com itens de língua portuguesa, matemática e conhecimentos gerais.  A duração da prova será de 3 horas. 

Será considerado habilitado o candidato que obtiver no mínimo 50% do total de pontos da prova objetiva, não podendo zerar em nenhuma das disciplinas.

O processo seletivo simplificado terá validade de dois anos, a contar da data da publicação da homologação do resultado final, podendo ser prorrogado por igual período, a critério da MGS.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade