Publicidade

Estado de Minas

Paulo Guedes autoriza convocação de 280 aprovados no concurso do Iphan

Nomeações devem ocorrer a partir deste mês de abril


postado em 25/04/2019 10:36 / atualizado em 26/04/2019 11:33

(foto: Iphan Recife/Divulgação)
(foto: Iphan Recife/Divulgação)
O ministro da Economia, Paulo Guedes, autorizou o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) a convocar 280 candidatos classificados e aprovados no concurso público, realizado em 2018. O provimento deverá ocorrer a partir deste mês de abril até 31 de dezembro de 2019. A autorização foi publicada no Diário Oficial da União, desta quinta-feira (25/4).

De acordo com a publicação, as convocoções estão condicionadas à existência de vagas na data da nomeação dos candidatos e à declaração do "respectivo ordenador de despesa sobre a adequação orçamentária e financeira das novas despesas com a Lei Orçamentária Anual e sua compatibilidade com a Lei de Diretrizes Orçamentárias", demonstrando a origem dos recursos a serem utilizados.

A responsabilidade das nomeação será da presidente do IPHAN, a quem caberá editar as respectivas normas, mediante a publicação de editais, portarias ou outros atos administrativos necessários.

O concurso 

O edital de abertura do concurso do Iphan foi lançado em junho de 2018. O certame oferece 411 vagas de nível médio, técnico e superior (destas, 110 vagas só para o Distrito Federal), além de formação de cadastro reserva. O Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe) foi a banca organizadora da seleção.

As chances de nível superior para o cargo de analista, com remuneração de R$ 5.035,29, eram para o nível superior em comunicação social, engenharia cartográfica, geografia, geociências, relações internacionais e ainda para graduados em qualquer área de formação. 


Publicidade