Publicidade

Estado de Minas

Concurso da Faetec para 257 professores é autorizado

Sede de ensino também conta com edital de processo seletivo para 630 professores temporários, que deve sair ainda esse mês


postado em 21/02/2019 11:00 / atualizado em 22/02/2019 12:08

(foto: Divulgação/Faetec)
(foto: Divulgação/Faetec)
A Fundação de Apoio à Escola Técnica (Faetec/RJ) autorizou concurso público para preenchimento de 257 vagas para professor efetivo. O órgão já tinha anunciado um processo seletivo destinado a 630 professores temporários. Os aprovados, em ambas seleções, serão distribuídos nas 130 unidades da rede ensino.

O edital para professor temporário deve sair ainda em fevereiro, assim como a abertura das inscrições. Os preparativos estão em sua fase final, aguardando apenas a publicação de decreto do governador Wilson Witzel para que possa ser oficializado. Já a publicação do documento de professores efetivos continua sem data prevista.

As oportunidades para os dois casos são para os cargos de professor I, professor do ensino superior, pedagogo e superior, totalizando 887 vagas. De acordo com o plano de cargos da Faetec, os vencimentos básicos podem variar entre R$ 1.500 a R$ 3 mil, assim como a jornada de trabalho, que oscila entre 20h a 40h semanais.

Alunos da Faetec estavam sem aula

Devido à falta de concursos para professores e à carência dos mesmos, cerca de mil alunos da rede de ensino Faetec não puderam comparecer ao primeiro dia de aula, que aconteceu na segunda feira passada (11/02).

O subsecretário de Políticas Públicas e Ensino Tecnológico do Rio de Janeiro, Rômulo Massacesi, explicou que uma decisão da justiça obrigou a demissão de 1.200 contratados, ao mesmo tempo que o estado entrou no Regime de Recuperação Fiscal, que impossibilitava a realização de recurso público. Logo, a Faetec ficou sem o quadro de temporários e sem concursos para admitir novos profissionais.

A autorização para o processo seletivo de 630 oportunidades de tempo determinado veio já na terça-feira (12/02), após a Procuradoria Geral do Estado (PGE/RJ) conseguir aval judicial para a abertura.

A rede estava sem concurso desde 2014, quando foi realizada a última seleção para professores. O edital ofertou 583 vagas para professor I e 88 para professor de instituto superior, totalizando 1.062 vagas temporárias. A seleção foi destinada a preencher vagas de licença médica e maternidade.

O salário para professor I era de R$ 810,43 para a jornada de 20 horas semanais e R$ 1.620 para 40 horas. Para os docentes dos institutos superiores, a remuneração era equivalente a R$ 1.136,67, se trabalhadas 20 horas, e R$ 2.273,35, caso trabalhadas 40 horas.


Publicidade