Publicidade

Estado de Minas

IF Goiano prorroga prazo de inscrição do concurso público

Confira abaixo outros prazos que também foram prorrogados


postado em 19/02/2019 14:07 / atualizado em 21/02/2019 06:32

(foto: Divulgação/Twitter IF Goiano)
(foto: Divulgação/Twitter IF Goiano)
O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Goiano (IF Goiano) prorrogou o prazo de inscrições. Quem perdeu o prazo incial de participação agora tem até 21 de fevereiro para se cadastrar pelo site do instituto. A taxa a ser paga varia entre R$ 60 e R$ 120 e estarão isentos candidatos doadores de medula óssea e candidatos inscritos no CadÚnico. 

O prazo para realizar a taxa de inscrição também foi prorrogado até 27 de fevereiro. A divulgação preliminar das inscrições homologadas será em 8 de março.

O concurso oferta 29 vagas e estarão reservadas duas vagas aos candidatos com deficiência. Para os candidatos negros ficam reservadas 20% das vagas. A jornada de trabalho será de 40 horas semanais para receber remuneração variando entre R$ 2.446,96 e R$ 4.180,66.

A lotação será para os campus Campos Belos, Ceres, Iporá, Morrinhos, Posse, Rio Verde e Urutaí, além dos campus avançados de Cristalina e Ipameri. 

Os candidatos de nível médio podem optar entre os cargos de assistente de alunos, assistente em administração, técnico de laboratório – agropecuária, análises clínicas, informática e química, técnico de tecnologia da informação, técnico em agropecuária, técnico em contabilidade e tradutor e intérprete de linguagem de sinais.

Já para nível superior estarão disponíveis vagas para as áreas de administrador, bibliotecário – documentalista, economista, pedagogo, técnico em assuntos educacionais e tecnólogo – gestão pública, produção audiovisual e secretariado.

A seleção para todos os cargos será realizada por prova objetiva que deverá ocorrer na data provável de 5 de maio, com disciplinas de língua portuguesa, matemática, informática e conhecimentos específicos. Os locais deverão ser divulgados em 30 de abril. Para os cargos de nível médio serão 50 questões com pontuação mínima de 50 pontos. Já para os de nível superior serão 60 questões e os candidatos devem obter uma pontuação mínima de 60 pontos. 


Publicidade