Publicidade

Estado de Minas PROTOCOLO

Verba da COVID-19 vai beneficiar 323 escolas municipais e 211 creches de BH

Serão repassados à educação R$ 14.427.618,00 para aquisição de chips para os professores que estão em contato com os alunos pelos celulares, fones e webcam para melhorar o acesso dos profissionais


15/09/2020 17:02 - atualizado 15/09/2020 18:42

Parte dos recursos destinados às medidas de combate e prevenção à COVID-19, em Belo Horizonte, será investida na melhoria das condições tecnológicas para ajudar na formação de 16.500 estudantes dos anos finais que estão em ensino remoto, a partir da Portaria 138/2020, publicada na última quarta-feira (9), pela Secretaria Municipal de Educação (Smed-BH).
Serão repassados à educação R$ 14.427.618,00 para aquisição de chips para os professores que estão em contato com os alunos pelos celulares, fones e webcam para melhorar o acesso dos profissionais. Além disso, serão comprados máscaras e equipamentos de segurança para 250 mil alunos, professores e funcionários, material de higiene e cuidados especiais.  

Mais de 2 milhões de itens vão garantir a implantação de protocolos de retorno escolar nas 323 escolas municipais e 211 creches parceiras. Segundo a Secretaria Municipal de Educação (Smed-BH), “o recurso vem em boa hora, pois, além de aliviar o planejamento deste final de ano, com o ensino remoto, o valor repassado possibilitará para o remanejamento de parte do que foi reservado para a preparação sanitária das escolas municipais e garantir a segurança do retorno presencial, quando as condições epidemiológicas forem favoráveis. É resultado de um trabalho cooperativo, intersetorial entre as secretarias de Saúde e Educação".


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade