Publicidade

Estado de Minas ECONOMIA

XP investe na Jive, de créditos 'sob estresse'


25/06/2021 08:12

A Jive, gestora de investimentos alternativos que atua com recuperação de crédito e outros ativos sob estresse, recebeu aporte liderado pela XP. A capitalização visa o crescimento da Jive, que tem R$ 8 bilhões de ativos sob custódia, e entrada no varejo de investimentos. Os investidores da rodada devem ficar com 30% do capital da empresa - sendo que a XP seria dona de perto 20% do total, apurou o Estadão/Broadcast.

A aquisição de fatia na Jive segue-se a outras que a XP fez recentemente, com o objetivo de fortalecer casas independentes. Paralelamente, a XP já tem dentro de sua própria gestora uma área focada em ativos sob estresse. A operação foi estruturada pelo Credit Suisse e, por ora, substitui a abertura de capital via oferta pública de ações (IPO, na sigla em inglês) da Jive. Ainda assim, eventual estreia no mercado de capitais no não está descartada, disse a Jive, em nota.

O plano de se lançar ao investidor do varejo contempla a criação de produtos com menor risco e complexidade. A Jive atua com os chamados ativos podres, na originação, aquisição e recuperação de créditos vencidos (NPL, na sigla em inglês), imóveis em situações complexas, ativos judiciais e outros ativos relacionados.
As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade