Publicidade

Estado de Minas ECONOMIA

Maia deve conversar com Guedes e diz 'não ter problema com a crítica'


postado em 17/06/2019 18:25

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), revelou nesta segunda-feira, 17, que deve conversar com o ministro da Economia, Paulo Guedes, esta semana, aparentemente para tentar aparar as rusgas entre ambos por causa da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) da reforma da Previdência.

O ministro criticou, na sexta-feira (14), mudanças no relatório da Comissão Especial da PEC, feito pelo deputado Samuel Moreira (PSDB-SP), principalmente sobre a economia do setor público, de R$ 900 bilhões em dez anos, ante R$ 1,2 trilhão no projeto original. Guedes foi rebatido no mesmo dia por Maia.

"Devo conversar com Paulo Guedes esta semana. Não tenho problemas com crítica, que é bem-vinda, mas tem temas que a gente tem de tomar cuidado, porque estamos fazendo coisas muito mais generosas em alguns casos" disse Maia, durante pronunciamento no Ethanol Summit, em São Paulo (SP).

O presidente da Câmara voltou a citar como exemplo a regra de transição prevista para militares no projeto de lei que tramita paralelamente à PEC da Previdência, mais branda do que para outros servidores.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade