Publicidade

Estado de Minas ECONOMIA

IGP-M cai 0,49% em novembro após alta de 0,89% em outubro


postado em 29/11/2018 08:43

O Índice Geral de Preços - Mercado (IGP-M) teve queda de 0,49% em novembro, interrompendo uma sequência de 15 meses em alta, relatou na manhã desta quinta-feira, 29, a Fundação Getulio Vargas (FGV). Em outubro, o IGP-M havia subido 0,89%. Assim, o indicador desacelerou tanto na comparação em 12 meses, indo a 9,68% após 10,79% em outubro, como no ano até novembro, acumulando 8,71%, ante 9,25% até outubro.

A deflação mensurada pelo IGP-M neste mês foi pouco maior que a mediana negativa obtida a partir das estimativas coletadas pelo Projeções Broadcast, de 0,46%. O resultado veio dentro do intervalo das 31 expectativas, que iam de queda de 0,59% a retração de 0,26%.

Entre os três indicadores que compõem o IGP-M, o Índice de Preços ao Produtor Amplo (IPA-M) recuou 0,81% em novembro após alta de 1,11% em outubro. O Índice de Preços ao Consumidor (IPC-M) desacelerou de 0,51% para 0,09% na margem. O Índice Nacional de Custo da Construção (INCC-M) arrefeceu de 0,33% para 0,26% na mesma base de comparação.

IPAs

A queda de 0,49% do IGP-M em novembro foi influenciada principalmente pela taxa do Índice de Preços ao Produtor Amplo (IPA) Agropecuário. O indicador saiu de uma alta de 0,29% em outubro para queda de 2,51% em novembro, segundo a FGV.

O IPA Industrial também foi ao terreno negativo, com queda de 0,24% após alta de 1,38% na mesma base de comparação. Em 12 meses, o indicador acumula alta de 13,48%, enquanto o IPA Agropecuário apresenta expansão de 9,30%.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade