Publicidade

Estado de Minas ECONOMIA

Para presidente do BCE, comércio global tem desacelerado consideravelmente


postado em 26/11/2018 14:28

O ímpeto de crescimento do comércio global "tem desacelerado consideravelmente", na avaliação do presidente do Banco Central Europeu (BCE), Mario Draghi, em sua fala diante do Parlamento Europeu, nesta segunda-feira.

Na oportunidade, Draghi foi ainda questionado sobre tensões que assolam o Velho Continente, como o impasse orçamentário na Itália, de onde hoje saíram informações, segundo a mídia, de que o governo planeja reduzir sua meta de déficit para o ano fiscal de 2019. "Sempre fui confiante de que um acordo poderia ser atingido", afirmou o dirigente sobre a questão. Ele se negou a comentar o assunto em mais detalhes, mas reforçou que "países com alto déficit devem reduzir o déficit" para se evitarem vulnerabilidades e falta de espaço fiscal diante de uma crise, por exemplo.

Outra fonte de preocupação na Europa, o Brexit também foi comentado de forma breve pelo dirigente. "Estamos trabalhando com o Banco da Inglaterra (BoE, na sigla em inglês) para avaliar vulnerabilidades ao sistema financeiro", destacou, ao reforçar que há, em ambos os lados das negociações, esforço para evitar que qualquer problema nesse sentido ocorra. Além disso, Draghi avaliou que "as negociações do Brexit são complexas e alguns aspectos ficarão claros em algumas semanas".

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade