Publicidade

Estado de Minas

Sterlite leva lote 7 ao oferecer deságio de 60,59%


postado em 28/06/2018 19:18

São Paulo, 28 - A Sterlite conquistou o lote 7 do leilão de transmissão que acontece neste momento na sede da B3, em São Paulo, ao oferecer uma Receita Anual Permitida (RAP) de R$ 52,510 milhões, para construir e operar o empreendimento, o que corresponde a um deságio de 60,59% em relação à RAP máxima estabelecida para o projeto, de R$ 133.273.890,00.

A empresa indiana arrematou seu terceiro lote e venceu a disputa com grandes competidores nacionais, como a Taesa, a Neoenergia e a Energisa.

O lote 7, o segundo maior ofertado no certame desta quinta-feira, é composto por duas linhas de transmissão de 500 kV - entre Porto de Sergipe e Olindina, com 180 quilômetros de extensão, e Olindina - Sapeaçu, com 207 quilômetros - além de uma linha de 230 kV Morro do Chapéu II - Irecê, com 67 quilômetros. De acordo com a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), o empreendimento, localizado entre os estados da Bahia e de Sergipe, tem como finalidade o escoamento de geração na área sul da região Nordeste e exigirá R$ 772,6 milhões em investimentos. A expectativa é de geração de 1.545 empregos diretos. O empreendedor terá 60 meses para entregar as obras.

(Luciana Collet)

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade