Publicidade

Estado de Minas

Festas de verão agitam BH. Veja as atrações deste fim de semana

No Alphaville, Saulo Fernandes e Durval Lelys animam o Bloquinho da Lagoa. Baianas Ozadas se apresenta na Amadoria. No Distrital, Velotrol transforma rock em samba e marchinha


postado em 17/01/2020 04:00

Banda Baianas Ozadas leva sucessos de seu desfile para o espaço Amadoria(foto: Netun Lima/divulgação)
Banda Baianas Ozadas leva sucessos de seu desfile para o espaço Amadoria (foto: Netun Lima/divulgação)
Verão é sinônimo de festa. E Belo Horizonte vai entrando no ritmo da folia, a pouco mais de um mês do carnaval. Sábado (18), dois baianos experts no ramo, Saulo Fernandes e Durval Lelys, desembarcam na capital para animar a quarta edição do projeto Bloquinho da Lagoa. No mesmo dia, na Amadoria, tem Baianas Ozadas – um dos nomes mais importantes da capital. Os roqueiros também entraram no clima. O bloco folião da banda Velotrol será lançado no Distrital do Cruzeiro.

Durval Lelys promete animação de sobra em Alphaville. Ele já se apresentou em duas edições do Bloquinho da Lagoa, mas diz que agora será diferente. O ex-Asa de Águia vai cantar em cima do pranchão, um palco móvel inspirado nos tradicionais trios elétricos que fizeram história em Salvador. Puxada por uma carreta, a engenhoca permite ao artista ficar próximo do público. A festa começa às 15h, com DJ Vavá, seguido do grupo de pagode Deixa Comigo. Saulo Fernandes começa o show às 17h30 e Durval inicia sua apresentação às 20h30.

O axé, claro, vai dar o tom do Bloquinho da Lagoa. Astro da Banda Eva até 2013, Saulo Fernandes, em seus 30 anos de estrada, lançou três álbuns solo e promete esquentar a plateia com os hits que o projetaram nacionalmente. Durval também espera fazer um sábado especial em BH.

“A festa será bastante animada, comigo e o Saulo cantando no pranchão em Minas. É muito legal, pois em vez de o artista ir lá no alto, como nos trios elétricos tradicionais, ele vai mais embaixo”, explica. “Não é apenas um show, mas evento de trio elétrico em um palco móvel”, reforça.

Os dois farão shows independentes, mas a festa será encerrada com o encontro dos baianos. “O Saulo canta na primeira volta, e eu na segunda. No final, terminamos os dois juntos no pranchão. Vamos lembrar os nossos maiores sucessos. Eu, por exemplo, vou cantar hits do Asa de Águia, pois as pessoas querem ouvir os clássicos. Na verdade, o repertório do Asa é bastante predominante no meu show, porque o pessoal curte muito as músicas de nossa carreira”, adianta o cantor.

Durval Lelys acabou de gravar a canção Juntos e conectados, lançada nas plataformas digitais. Feliz, conta que ela já está estourada em Salvador. Durante o carnaval da capital baiana, ele sairá dois dias no bloco Me Abraça. “Infelizmente, o Asa de Águia fechou em 2014. Parti para a carreira solo, mas mantendo a história do grupo dentro do meu projeto. As pessoas me perguntam se o Asa vai voltar e sempre respondo que pode voltar, sim, a qualquer hora. Ainda não é o momento, mas ele já está querendo bater asas.”

Enquanto o voo não se concretiza, os dois baianos planejam reviver os melhores momentos das respectivas carreiras. “São as nossas histórias de carnaval ali no pranchão, em contato direto com o público”, resume Durval.

DISTRITAL 

Roqueiros de BH também aderiram à folia. No sábado, a banda Velotrol fará um show com 40 convidados no evento Rock no Mercado, no Distrital. O grupo aproveita para lançar o Velobloco, sua “tribo” de carnaval. As picapes serão comandadas pela DJ Nath Castro. Elvis Krause, vocalista do Velotrol, promete uma noite pra lá de diferente.

“Os convidados se apresentarão com as respectivas bandas em shows solo ou acompanhados pela gente, do Velotrol. É pra ninguém ficar parado. Faremos umas loucuras rítmicas durante nossa apresentação”, anuncia Krause. “Vamos tocar Come together, dos Beatles, em ritmo de samba-reggae. Já Sweet home Alabama vai virar afoxé e samba-reggae.”

Tem mais: War pigs, do Black Sabbath, ganhará versão baião/maracatu. Paranoid, também do Sabbath, vai experimentar o ritmo das marchinhas. Kashmir, do Led Zeppelin, terá groove dobrado, com levada de samba simples, enquanto Born to be wild (hit do grupo Steppenwolf) experimentará a pegada da marchinha, e Light my fire, clássico do The Doors, vai virar samba-bossa. “Posso garantir: ficou muito legal e o público vai adorar”, garante Krause.

4º BLOQUINHO DA LAGOA

Sábado (18), a partir das 15h. Abertura: DJ Vavá. Com Deixa Comigo (16h), Saulo Fernandes (17h30) e Durval Lelys (20h30). Alphaville. Lagoa dos Ingleses, Nova Lima. Ingressos a partir de R$ 110.
À venda no site Sympla.

Velotrol lança bloco e faz samba com clássicos do rock(foto: Marcus Santiago/divulgação)
Velotrol lança bloco e faz samba com clássicos do rock (foto: Marcus Santiago/divulgação)
ROCK DO MERCADO

Sábado (18), a partir das 20h. Com Velotrol e convidados, Velobloco e DJ Nath de Castro. Distrital. Rua Opala, s/nº, Cruzeiro. Ingressos: R$ 20 (1º lote), R$ 25 (2º lote), R$ 30 (3º lote), R$ 40 (4º lote), R$ 50 (portaria, em dinheiro) e R$ 60 (cartões de crédito). Informações: (31) 98701-7000. À venda no site Sympla.

Samba e jazz no amadoria 

Baianas Ozadas será estrela da festa no espaço Amadoria. Às 16h de sábado, o cantor Well Figueirê, com seu violão, abre a tarde. Geo Cardoso, cantor do Baianas, conta que a banda formada pelo bloco vai tocar sucessos de seu desfile de carnaval, que tem arrastado multidões pelas ruas da capital mineira.

“É o som do Baianas Ozadas com o nosso grupo, que circula o ano inteiro. Ali estão os quatro elementos: a bateria, a ala de dança, a ala infantil e a banda. O repertório é composto de música baiana, tudo obedece à linguagem rítmica da percussão afrobaiana.”

Rafael Freitas, produtor do espaço Amadoria, conta que os shows fazem parte do projeto Amor de Verão, realizado anualmente. “Em 2020, já tivemos três edições. A primeira com a banda Maraú, a segunda com o Pagodinho Retrô e agora com o Baianas Ozadas”, comenta.

Em 30 de janeiro, como parte do projeto jazzístico da casa, haverá apresentação do bloco Magnólia, que se inspirou na música de New Orleans. A cidade norte-americana é famosa pelo mardi gras, cortejo folião realizado na terça-feira gorda, embalado por temas do jazz.

Formado por frequentadores de bares da Rua Magnólia e arredores, o bloco mineiro foi fundado em 2013. Seu objetivo é fomentar atividades culturais na região dos bairros Santo André e Caiçara, com o intuito de descentralizar o carnaval de Belo Horizonte.

O repertório do Magnólia destaca o estilo de jazz chamado second line, com muitos instrumentos de sopro e percussão compacta, que se assemelha a uma bateria desmembrada. A inspiração veio das second line parades, cortejos realizados por negros norte-americanos em funerais e celebrações sociais.

Em 8 e 15 de fevereiro, das 16h às 23h, o espaço Amadoria promoverá o Lacra a Purpurina, seu tradicional pré-carnaval. A casa não funciona durante a festa de Momo, mas nem por isso abre mão da folia.

“Incentivamos as pessoas a virem fantasiadas. Teremos pessoal aqui para fazer maquiagens carnavalescas, produtores locais venderão adereços”, conta Rafael Freitas. O bloco Pacato Cidadão e o DJ Pedro Siman são atrações confirmadas.

AMOR DE VERÃO

Sábado (18), a partir das 16h. Com Baianas Ozadas. Abertura: Well Figueirê e Palomita DJ. Amadoria. Rua Mucuri, 325, Floresta, (31) 99389-2015. Ingressos: R$ 30 (antecipado) e R$ 40 (portaria).

ROTEIRO
Bloco Magnólia se inspira no mardi gras de New Orleans(foto: Gladyston Rodrigues/EM/D.A Press)
Bloco Magnólia se inspira no mardi gras de New Orleans (foto: Gladyston Rodrigues/EM/D.A Press)

BLAZE BAYLEY
Underground Black Pub. Av. Itaú, 540, Dom Cabral, (31) 3375-7735. Hoje, 20h. Ex-vocalista do Iron Maiden, Vlay faz turnê para marcar os 25 anos de sua entrada na banda. A partir de R$ 35.

ENTÃO, BRILHA! E CONVIDADOS
Esquina de Avenida Bernardo Monteiro com Avenida Brasil, Funcionários. Sábado, 11h. Bloco comemora seus 10 anos de história. Com DJ Fael, Quero Bolinho (Live Painting) e Bloquinho. Entrada franca.

GILSONS
Espaço Rancho. BR-040, KM 545, Estância Serrana, Nova Lima, (31) 3286-4705. Sábado, a partir das 15h. Projeto naSala de Verão. Com José, Francisco e João Gil, respectivamente, filho e netos do cantor e compositor Gilberto Gil. MPB. Com Zeh Pretim e DJs Tucho, Vitor Sobrinho e Jaka. R$ 40 (ingresso sunset), R$ 71 (2º lote) e R$ 270 (passaporte naSala de Verão).

GUSTAVO MAGUÁ
Casa do Bonfim, Rua José Ildeu Gramiscelli, 301, Bonfim, (31) 99921-4944. Domingo, 15h. Roda de samba. A partir de R$ 20.

MINIMAL
A Autêntica. Rua Alagoas, 1.172, Savassi, (31) 3654-9251. Sábado, 22h. Festa Uma Noite Indie. Com DJ Lara Luz. R$ 20 (antecipado), 
R$ 30 (bilheteria, até meia-noite) e R$ 35 (após meia-noite).

SAMBA DAS PRETAS E ANGOLA JANGA
Espaço Gofree, Rua Francisco Soucasseaux, 54, Lagoinha, (31) 3429-1300. Domingo, a partir das 13h. Samba e carnaval. Com Samba Queixinho, Swing Safado e DJ Gui Black. Ingressos a partir de R$ 10 (1º lote), na plataforma Gofree.

SOUL MUCH BLUES
Projeto Blues Verão. Barracão de Antiguidades. Rua Canela de Ema, 20, Casa Branca, Brumadinho, (31) 99952-2045. Clássicos da música negra norte-americana. R$ 20.

TRANSA! – MOSTRA O OMBRIM
Espaço GoFree. Rua Francisco Soucasseaux, 54, Lagoinha, (31) 98212-1247. Sábado, 22h. Música brasileira. Com DJs Carou Araújo e Alfredo Souza. 
R$ 15 (promocional) e R$ 20.

No bar

BAILE DA ANNY
Gilboa. Rua Pium-í, 772, Sion, (31) 99970-6412. Sábado, 14h. Estreia do projeto Axé no Gilboa. Com a cantora Anny Rosa. Entrada franca até as 15h. Depois, de R$ 15 a R$ 20.

BLOCO TIETE DA VEVETE
Yanã Bar. Rua Niquelina, 765, Santa Efigênia, (31) 99816-8933. Sábado, 14h. Ensaio do bloco de carnaval mineiro que homenageia a cantora baiana Ivete Sangalo. R$ 10.

BLOCO VOLTA BELCHIOR
Yanã Bar. Rua Niquelina, 765, Santa Efigênia, (31) 99816-8933. Domingo, 16h. Bloco de BH apresenta músicas do compositor Belchior em ritmo de carnaval. R$ 10.

GAROTAS SOLTEIRAS
Yanã Bar. Rua Niquelina, 765, Santa Efigênia, (31) 99816-8933. Sábado, 21h. Bloco de carnaval toca músicas de divas do pop. Festa Bem Garota. R$ 15.

MAIS AMOR
Gilboa. Rua Pium-í, 772, Sion, 
(31) 99970-6412. Domingo, 18h. Hits do pagode. Com DJ Gui. Entrada franca até as 19h. Depois, de R$ 10 a R$ 15.

PIRATAS DO ARRUDAS
Jângal. Rua Outono, 523, Cruzeiro, 
(31) 99801-5182. Domingo, 15h. Projeto Nosso Samba, com participação do DJ Humberto Bosser. Entrada franca até as 15h. Depois, de R$ 10 a R$ 20.

PITAYA
Yanã Bar. Rua Niquelina, 765, Santa Efigênia, (31) 99816-8933. Hoje, 22h. Releituras de sucessos de Luiz Gonzaga, Dominguinhos, Djavan e Gilberto Gil, entre outros. R$ 10.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade