Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Estado de Minas

Verão Arte Contemporânea homenageia Agnès Varda, precursora da nouvelle vague

Programação inclui a exibição de filmes da cineasta a partir de fevereiro


postado em 25/01/2019 05:07

Cineasta Agnès Varda, de 90 anos, é musa inspiradora do VAC(foto: VAC/divulgação )
Cineasta Agnès Varda, de 90 anos, é musa inspiradora do VAC (foto: VAC/divulgação )


A programação do VAC homenageará a cineasta Agnès Varda, de 90 anos, precursora da nouvelle vague, com a exibição de seus filmes a partir de fevereiro. O show Voa menino, voa fechará a programação, também no mês que vem, com tributo ao dramaturgo e diretor João das Neves, morto em agosto de 2018. A apresentação reunirá a cantora Titane, viúva do teatrólogo, e o compositor e instrumentista Rufo Herrera, além de convidados especiais.

“Tanto Agnès quanto João das Neves dedicaram a vida à arte. Entre eles, existe uma afinidade na pesquisa de linguagem. Nunca foram artistas comerciais, sempre atuaram na experimentação”, diz o curador Jonatha Horta Fortes.

Ione de Medeiros, curadora do VAC, lembra que João das Neves revolucionou o teatro brasileiro em montagens como O último carro, na década de 1960. “Ambos representam rupturas muito grandes, pois abriram caminhos inéditos, fora dos espaços convencionais”, observa.

De acordo com Jonatha, o VAC reúne trabalhos com posicionamentos muito claros, que dão voz à complexidade da sociedade contemporânea. O curador lembra os constantes ataques à cultura e a necessidade de discutir questões relacionadas a raça, sexo e gênero.

“O festival valoriza a arte da experimentação e pesquisa, cujo interesse não é o lucro financeiro, mas promover questionamentos”, diz.

“Com o país fervilhando, com tantas inquietações, vamos da abordagem de raiz, que visa ao direito a se expressar, ao espaço de experimentação, sempre abordando temáticas necessárias à nossa época. Quando se promove o pensamento, expande-se tudo. Tiramos da acomodação. Não queremos dar soluções, nem dizer o que é melhor”, conclui Ione de Medeiros.

NO FIM DE SEMANA


O ATORMENTADOR
Peça da Cia. Absurda. De hoje a segunda-feira, às 19h. CCBB. Praça da Liberdade, 450, Funcionários, (31) 3431-9400. R$ 30 (inteira) e R$ 15 (meia-entrada)

JANTAR SECRETO
Projeto Gororoba, comandado pelo chef Carlos Normando. Hoje, às 19h. Centro de Referência da Juventude. Rua Guaicurus, 50, Centro, (31) 3277-9795. Entrada franca. Convites são limitados e podem ser retirados a partir das 18h

GANHO SECUNDÁRIO

Instalação e mural do artista plástico Daniel Jack. Projeto Parede. Sesc Palladium. Av. Augusto de Lima, 420, Centro, (31) 3214-5350. De terça-feira a domingo, das 9h às 21h. Até 21 de abril. Entrada franca.

. Programação completa: veraoarte.com.br


Publicidade