Publicidade

Estado de Minas NOVIDADES NA QUARENTENA

Bolo em casa

Encomendas se mantÊm em alta no isolamento, puxadas pelas comemorações em casa


postado em 31/05/2020 04:00 / atualizado em 01/06/2020 18:24

Idealizados pela confeiteira Caroline Mesquita, os minibolos fazem parte de comemorações on-line(foto: Caroline Mesquita/Divulgação)
Idealizados pela confeiteira Caroline Mesquita, os minibolos fazem parte de comemorações on-line (foto: Caroline Mesquita/Divulgação)


Os bolos deixaram de ocupar o centro das mesas decoradas de grandes festas, mas continuam a marcar presença em momentos especiais. Relançados em tamanhos reduzidos, eles adoçam aniversários e outras comemorações on-line, chegando a todos os convidados. Além disso, são uma escolha certa para presentar e levar carinho a quem está distante nesta quarentena.

A confeiteira Caroline Mesquita, da Bolos da Caroll, estava acostumada a vender bolos de, no mínimo, 1,5kg. Mas, desde que a pandemia chegou e o mercado de festas parou, ela teve que reformular seu negócio para atender a pequenas comemorações em casa.
 
O hit do cardápio é o minibolo, com cerca de 600g, que serve até quatro pessoas e vai decorado com flores, vela e cartão personalizado. A ideia é mandar um para cada convidado da festa on-line. “Na hora de cantar o parabéns, todos podem assoprar a vela ao mesmo tempo e comer do mesmo bolo”, explica a criadora da Bolos da Caroll.
 
O sabor mais pedido é o red velvet. Com massa à base de buttermilk e cacau, ele tem recheio de brigadeiro branco e geleia de frutas vermelhas. As outras duas opções que se destacam no cardápio são chocolate (massa de cacau com recheio de brigadeiro meio amargo) e limão (massa de iogurte com recheio de mousse de limão siciliano).
 
A produção, que já era artesanal, ficou ainda mais cuidadosa. Na cozinha, trabalham apenas Caroline, o marido e a filha. O único contato deles é com o motoboy, que faz exclusivamente as entregas da confeitaria e tem atenção extra com o transporte. “Adaptei as embalagens para ficarem mais justas e criei um modelo de bolo com forma de acetato, então ele vai seguro no deslocamento”, avisa.
 
Apesar de todos os cancelamentos e adiamentos, Caroline conseguiu com este novo serviço manter a cozinha funcionando todos os dias. Além das comemorações de família e entre amigos, empresas encomendam os minibolos para comemorar os aniversários dos colaboradores em home office.
 
Para a confeiteira, esta é uma ótima oportunidade de apresentar seu trabalho para um número maior de pessoas. “O impacto mais importante da pandemia, para quem soube trabalhar neste período, é aumentar a cartela de clientes. Através de um bolo pequeno posso conseguir mais pra frente uma encomenda maior”, conta, comemorando que fechou um contrato de casamento.
 
Os bolos de Renata Bastos Zanetti são um presente completo e delicioso(foto: Renata Zanetti/Divulgação)
Os bolos de Renata Bastos Zanetti são um presente completo e delicioso (foto: Renata Zanetti/Divulgação)
 
 
Os bolos de Renata Bastos Zanetti estão ainda mais disputados na quarentena. Totalmente artesanais, feitos um a um, decorados com extremo capricho e bom gosto, são uma forma de levar carinho para quem está isolado. “Não tem um igual ao outro. Faço muito direcionado, pensando na pessoa que vai receber, no motivo da celebração, é um trabalho de criação. Ali está a minha alma”, diz.
 
A decoração envolve flores secas, flores de tecidos, galhos, mensagens, nomes moldados em arame, vela e balão. Dentro da caixa, sempre tem um bilhete escrito a mão e assinado como se fosse a pessoa que encomendou o bolo. No fim, vira um presente completo e delicioso.

VANTAGEM Renata segue sua rotina como antes. Ela sempre trabalhou em casa e continua a dividir as tarefas apenas com o marido, o que considera uma vantagem. “Isso pesou muito a meu favor. As pessoas neste momento querem ter segurança, se sentir protegidas, e todo mundo sabe que os bolos são feitos na minha casa, na minha cozinha, com todo o cuidado.”
 
Sobre a entrega, a boleira tem parceria com um motorista de aplicativo, mas muitos clientes ainda preferem buscar os bolos, como era comum antes da pandemia. Eles nem precisam descer do carro, só abrem o vidro e recebem a encomenda de Renata ou do marido, vestidos com máscara e luvas.

O tamanho dos bolos diminuiu. Agora, o mais pedido tem 15cm e serve 12 fatias pequenas. Há a opção de pedir minibolos (no mínimo seis). Entre os sabores, o carro-chefe tem massa de tangerina com amêndoas trituradas e cobertura de chocolate com mel e conhaque. Renata também é conhecida pelo bolo de milho com calda de doce de leite e coco e pelo de chocolate com recheio de caramelo de amêndoas e flor de sal com cobertura de ganache de chocolate.

Compartilhe no Facebook
*Apenas para assinantes do Estado de Minas

Publicidade