UAI
Publicidade

Estado de Minas

Festival Meninada celebra semana da criança neste domingo

Evento on-line e gratuito terá apresentações do Trio Amaranto, Cia. Canta Contos, Irene Bertachini e Ana Couttinho


08/10/2021 04:00 - atualizado 08/10/2021 08:08

Trupe de Ana Coutinho
Ana Couttinho e sua trupe vão apresentar o show ''História da arca'', inspirado na obra de Vinicius de Moraes (foto: Élcio Paraíso/Bendita Conteúdo)

Crianças e artistas foram dois grupos dos mais afetados pelas restrições impostas pela pandemia do coronavírus. O isolamento social certamente não foi fácil para o público infantil e também afetou o trabalho dos agentes da cultura. É nesse contexto que chega o Festival Meninada , com o intuito de fomentar o conhecimento dos pequenos por meio da arte, apresentando quatro atrações musicais. A edição marca o segundo ano do evento, dessa vez em formato on-line , com transmissão gratuita pelo YouTube, neste domingo (10/10), a partir das 15h.

O festival foi idealizado em 2019 por Dudu Nicácio, músico já acostumado com projetos voltados para o público infantil há alguns anos. Ele conta que essa paixão surgiu após o nascimento dos filhos. “Comecei a vivenciar mais o mundo das crianças, se tornou uma coisa mais cotidiana. A partir daí, criei o bloco Serra Neném e, mais recentemente, surgiu a ideia do festival”, conta Dudu.

Na primeira edição, o evento promoveu, além da música, o encontro físico e o contato com a natureza, reunindo as crianças no Parque Municipal e no Parque da Cidade Nova para comemorar a semana das crianças , que tem o 12 de outubro dedicado a elas. Com a necessidade de migrar a celebração para o formato virtual, Dudu comenta que a decisão não foi fácil.

“Um dos nossos pilares é o encontro, mas a gente ainda não se sentiu seguro em fazer o festival no formato presencial. Tivemos que considerar então o que dava para fazer, porque vemos a necessidade de continuar a fomentar a cena da produção cultural e da música”, explica o artista.

“Ao mesmo tempo, para as crianças, é fundamental mostrar que as coisas estão acontecendo, que o mundo está aí. Apontar para o lugar do reencontro, do momento em que tudo isso vai passar e para a necessidade de manutenção dos cuidados em virtude da pandemia. Por enquanto, o virtual serve para fortalecer a esperança que, inclusive, as crianças já têm muito”, completa músico.

ATRAÇÕES

Dudu ainda acredita que o virtual pode trazer benefícios no sentido de transcender barreiras físicas. No formato on-line, o Festival Meninada se expande para fora de Belo Horizonte e se torna vitrine da cultura local para o resto do Brasil. Além disso, a perpetuidade do conteúdo na internet serve como marca do momento, que ainda exige cuidados especiais.

Na programação do evento, quatro atrações já acostumadas com a criançada. Puxando a fila, o Trio Amaranto , com as irmãs Lúcia, Flávia e Mariana, apresentará o espetáculo “Três pontes”, seguido por Irene Bertachini , com “Brincante Lili!”; Cia. Canta Contos , com “O menino Sabino”; e, para encerrar, a cantora Ana Couttinho apresenta o show “História da arca”.

O projeto foi todo gravado no pátio da Escola da Serra, em Belo Horizonte, seguindo todos os protocolos de segurança. A ideia de Dudu era consolidar o elo entre cultura e educação como base para o festival. O papel de mestre de cerimônias fica com Rogério Araújo, ou Roger, para quem já está familiarizado com seu grupo de teatro, o Armatrux.

Responsável pelo encerramento da programação, Ana Couttinho tem larga experiência com o universo infantil. A artista, que compõe canções para a meninada desde 2007, diz que tanto adultos quanto as crianças vão curtir as atrações do festival.

Irene Bertachini e cia
''Brincante Lili!'', com Irene Bertachini e cia., será outra atração deste domingo dedicado à semana das crianças (foto: Élcio Paraíso/Bendita Conteúdo)

CANÇÕES COLETIVAS

“O gostoso é que os professores, pais e avós sabem todas as canções. Nas apresentações presenciais, os adultos cantam todas as músicas e ficam muito empolgados. Às vezes, os pais cantam e os filhos olham indignados perguntando: ‘Por que você sabe essa música e eu não?’. A gente cutuca a criança dentro da ‘gente grande’”, brinca a cantora.

Para este domingo, o público terá a oportunidade de escutar o primeiro disco infantil de Ana Couttinho, a “História da arca”, que adapta a obra de Vinicius de Moraes para o público infantil. A apresentação segue a história do livro homônimo da própria Ana, em um ambiente com quintal, árvore e jardins, propiciado pelo pátio da Escola da Serra.

“O festival é uma oportunidade muito boa para conhecer grupos que ainda não tive a oportunidade. Vai ser maravilhoso assistir a todos os artistas e comentar junto com a galera”, finaliza Ana.

FESTIVAL MENINADA – 2ª EDIÇÃO
Neste domingo (10/08), a partir das 15h, com transmissão gratuita pelo  canal do YouTube do evento . A abertura será com Trio Amaranto (espetáculo “Três pontes”), seguido por Cia. Canta Contos (“O menino Sabino”), Irene Bertachini (“Brincante Lili!” ) e Ana Couttinho (“Histórias da Arca”)

*Estagiário sob a supervisão da subeditora Tetê Monteiro


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade