Publicidade

Estado de Minas

Agora é pra valer!

Fazer uma dieta, entrar para a academia, mudar de emprego, trocar de país, buscar novas aventuras. O Bem Viver vai acompanhar histórias de pessoas que traçaram planos para 2020


postado em 05/01/2020 04:00 / atualizado em 04/01/2020 20:38

O ator mineiro Francisco Aníbal Machado, de 59 anos, planeja passar um tempo na Europa e depois voltar a viver em Belo Horizonte(foto: Tiago Gontijo/Divulgação)
O ator mineiro Francisco Aníbal Machado, de 59 anos, planeja passar um tempo na Europa e depois voltar a viver em Belo Horizonte (foto: Tiago Gontijo/Divulgação)


Escrever um livro, ter um filho, plantar uma árvore – já dizia o ditado. Entra ano, sai ano, as perspectivas de transformação se renovam, seja qual for o aspecto da vida. É hora de elaborar aquela famosa listinha de objetivos e metas a alcançar no ciclo que chega. Desejos que ficaram guardados, intenções de fazer o que ainda não foi feito, muita coisa para vislumbrar. Emagrecer, conseguir outro emprego, viajar, trocar de cidade, aventurar-se em novos caminhos – andar conforme sopra o vento. E a vontade é sempre de melhora.
 
Importante é tirar do papel o que se propõe e experimentar o refresco de uma muito bem-vinda mudança. Neste domingo, o Bem Viver conta histórias de pessoas de perfis variados que revelam seus planos para o período que se inicia e, durante 2020, acompanhará cada uma delas para saber se conseguiram concretizar suas decisões de réveillon.
 
O estudante Davi Leitão, de 14 anos, pretende fazer parte de um time de basquete ou futebol e voltar para as aulas de jiu-jitsu(foto: Tiago Gontijo/Divulgação)
O estudante Davi Leitão, de 14 anos, pretende fazer parte de um time de basquete ou futebol e voltar para as aulas de jiu-jitsu (foto: Tiago Gontijo/Divulgação)
Umas dessas pessoas é o ator mineiro Francisco Aníbal Machado, de 59 anos, que mora em Vitória, capital do Espírito Santo, há oito anos. Desde 2013, mantém um restaurante na cidade com o companheiro, Nicolas, onde também atua com teatro. Nicolas está na Itália a fim de conseguir a cidadania europeia e, a partir daí, a vida dos dois terá uma reviravolta. Eles estão fazendo novos planos. Com o retorno do companheiro previsto para fevereiro, a ideia é passar o ponto do restaurante, e aí Chico e Nicolas estão com o objetivo de retornar à Europa para viver os próximos dois anos, a princípio na Itália, Portugal e Espanha. “É o projeto de vida dele, que também é ator, mas muito ligado à gastronomia, campo em que quer investir na Europa. Está também empenhado em aprender inglês”, conta Chico.
 
“Particularmente, devo continuar um tempo ainda em Vitória, tenho alguns projetos de teatro, mas vou passar esse tempo na Europa. E nós pretendemos casar por lá, ainda em 2020, e fazer uma cerimônia aqui. Após esse período, o intuito é voltar a viver em Belo Horizonte, onde estão minha família e minhas filhas. Talvez, na Grande BH, abrir um outro tipo de comércio, como um bistrô, algo na área da gastronomia e hotelaria”, planeja.
 

Devo continuar um tempo ainda em Vitória, tenho alguns projetos de teatro, mas vou passar esse tempo na Europa. E nós pretendemos casar por lá, ainda em 2020, e fazer uma cerimônia por aqui%u201D

Francisco Aníbal Machado, ator

 
 
Enquanto isso, Davi Leitão tem praticamente toda a vida escolar, até agora, experimentada no mesmo colégio. Aos 14 anos, está feliz com a mudança para uma nova escola, que começa a frequentar em 2020, no primeiro ano do ensino médio. “Quero conhecer outro tipo de escola, conhecer pessoas novas”, diz. Para este ano, também intenciona fazer parte de um time de basquete ou futebol e voltar para as aulas de jiu-jitsu. “Pretendo fazer uma peneira de basquete. Se não tiver time na escola, vou tentar algum clube.” Davi já teve oportunidades para viajar ao exterior, e agora conta que gostaria de explorar melhor outras partes do Brasil, principalmente a Região Norte. Em 2020, procura ainda aprofundar seus conhecimentos de inglês, já mirando a possibilidade de fazer um intercâmbio entre 2021 e 2022 em algum país que tenha o idioma como língua pátria. “Planejo completar o ensino médio na Austrália ou nos Estados Unidos. Gosto de conhecer culturas diferentes.”
 
 

Quero conhecer outro tipo de escola, conhecer pessoas novas (...) Pretendo fazer uma peneira de basquete. Se não tiver time na escola, vou tentar algum clube%u201D

Davi Leitão, estudante

 
 
 
 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade