Publicidade

Estado de Minas CONTA-GOTAS

Teste do Pezinho é fundamental para a saúde do recém-nascido

Exame deve ser realizado entre o terceiro e o sétimo dias de vida do bebê


postado em 21/10/2019 08:00 / atualizado em 18/10/2019 19:10


(foto: DB/divulgação)
(foto: DB/divulgação)

A triagem neonatal, conhecida como Teste do pezinho, é de extrema importância para a saúde de recém-nascidos. O exame detecta doenças genéticas ou congênitas, que podem receber o tratamento correto caso diagnosticadas em estágio inicial. O teste deve ser realizado entre o terceiro e o sétimo dias de vida do bebê e identifica, em sua versão básica, quatro doenças: fenilcetonúria, hipotireoidismo congênito, doença falciforme e hemoglobinopatias. Nas versões mais complexas, como o Perfil master, detecta até 15 enfermidades em recém-nascidos. O gerente de relacionamento do Laboratório Diagnósticos do Brasil (DB), Deivis Junior Paludo, reforça a importância do exame: “O Teste do pezinho é um exame de prevenção fundamental para a saúde da criança”. Grande parte das patologias identificadas pela triagem neonatal têm tratamento quando diagnosticadas cedo, mas podem ser fatais caso não sejam tratadas a tempo.
 
 
 
 
Cerimônia de Finados
O Templo Zen das Alterosas promove no sábado, 2 de novembro, a “Cerimônia de Finados, reverências e homenagens aos antepassados”. Será às 10h, no 
Templo Zen das Alterosas, em BH. Informações e inscrições:
(31) 3227-1334/99841-2205. A doação é R$ 40.

 
 
(foto: Túlio Santos/EM/D.A Press %u2013 18/5/14 )
(foto: Túlio Santos/EM/D.A Press %u2013 18/5/14 )
 
Projeto para marcar o Outubro Rosa
De 22 a 26 deste mês, será instalado o Casa Delas no Piso 1 do Boulevard Shopping. Trata-se de um espaço de acolhimento, palestras e bate-papo gratuito sobre empreendedorismo, empoderamento, atividade física, prevenção do câncer e cuidados com a saúde da mulher. Promovido pela Oncomed, o evento é parte das comemorações do Outubro Rosa. Para o diretor da Oncomed, Amândio Soares (foto), o Casa Delas já se consolidou como uma ação que alerta a população sobre a o câncer e desmistifica tabus. “Abordamos por meio de palestras e conversas acolhedoras a questão da prevenção e do diagnóstico precoce como forma de frear o avanço da doença. Nosso principal objetivo é prestar informação de maneira leve, mas com conteúdo relevante à população”, enfatiza. Programação e inscrições gratuitas no site casadelas.com.br.
 


 
(foto: Divulgação)
(foto: Divulgação)
 
5 sintomas da DTM
Você sente dor na mandíbula, limitação de abertura de boca, inchaço no rosto e som de estalos ao abrir a boca? Esses são sintomas da disfunção temporomandibular (DTM) – um conjunto de alterações relacionadas à articulação temporomandibular (ATM), localizada
em frente à orelha, que permite a movimentação para abertura da boca. A área pode ser sensível a movimentos repetitivos. Além disso, a pressão excessiva para mastigar pode ocasionar dores de cabeça, dor de ouvido, zumbido, entre outros, podendo prejudicar as estruturas responsáveis por atividades relacionadas ao abrir e fechar da boca. Fábio Ricardo Loureiro Sato, mestre e doutor em cirurgia bucomaxilofacial, aponta os principais sintomas da DTM:

1) Som de clique ou estalos ao abrir e fechar a boca. A emissão desse som é bem característica e pode ser sentida/ouvida pelo próprio paciente e assim levar a uma consulta, na qual o especialista poderá confirmar ou descartar o diagnóstico de DTM.

2) Dificuldade para abrir a boca. Nesse caso, pode-se sentir uma dor intensa ao realizar essa ação, causando desconforto para abertura e fechamento da mandíbula.

3) Inchaço no rosto. Isso ocorre quando há um esforço repetitivo para abertura da boca, o que causa dores na região próxima ao ouvido.

4) Enxaquecas fortes e recorrente. Essas dores, quando relacionadas ao movimento da ATM, são mais comuns durante a realização de ações simples, como conversar ou mastigar algo.

5) Dores intensas próximo aos músculos da mastigação e articulação temporomandibular. Acordar com dores intensas no músculo pode não ser tão fácil e nesses casos é hora de procurar um profissional especializado.

 
 
 
 
Leitura tem impacto positivo no bem-estar
A prática de atividades físicas e uma alimentação saudável são fundamentais para a saúde. Mas o hábito da leitura também exerce efeitos positivos para o bem-estar. De acordo com o Instituto Pró-livro, a leitura melhora o funcionamento do cérebro, reduz o estresse, ajuda a memória, entre outros benefícios que contribuem para uma vida melhor. O aplicativo Esens disponibilizou cinco livros com conhecimentos e dicas sobre bem-estar para viver mais. Todos os títulos foram lidos e avaliados por um time de especialistas em literatura, leitura dinâmica e tradução para resumir a essência principal de cada obra em áudios de até 30 minutos, que podem ser acessados de qualquer lugar de forma dinâmica.
A ferramenta propõe a leitura de um livro por dia. O aplicativo Esens está disponível para download na App Store e Google Play. Conheça os títulos:

» Missão de vida (ano: 2016 – tempo: 30min)
Voltado para as pessoas que desejam viver até os 100 anos, esse é o guia para ter uma vida longa e feliz através da sabedoria da cultura japonesa. Os autores Francesc Miralles e Héctor García foram até Okinawa, a ilha japonesa de população centenária, e reuniram pela primeira vez em um livro os hábitos e rotinas que mantêm em dia a saúde da mente, do corpo e do espírito daquele povo.

» O plano dos 4 pilares (ano: 2017 – tempo: 27min)
Baseado em quase 20 anos de experiência clínica, Rangan Chatterjee concluiu que, para nos livrarmos das doenças, temos de manter os quatro pilares essenciais da saúde bem equilibrados: relaxar, nutrir, mexer-se e dormir. Os ensinamentos presentes no livro oferecem o plano completo para cuidar de cada uma dessas áreas essenciais e harmonizá-las para curar desde um simples eczema a doenças graves, como a depressão ou a síndrome da fadiga crônica, sem precisar de qualquer remédio.

» O paradoxo da longevidade (ano: 2019 – tempo: 29min)
O livro mapeia uma nova abordagem para envelhecer bem, baseada no apoio à saúde das partes “mais antigas” de nós: os micro-organismos que vivem dentro de nosso corpo. Trabalhando com milhares de pacientes, o autor Steven Gundry descobriu que as “doenças do envelhecimento” que mais tememos não são simplesmente uma função da idade; ao contrário, são um subproduto da maneira como vivemos ao longo das décadas.

» Desfaça! (ano: 2019 – tempo: 34min)
O livro revela o poder de fazer mudanças simples no estilo de vida, que não apenas podem prevenir, mas reverter uma ampla gama de doenças crônicas. O conhecimento é baseado na pesquisa dirigida pelo autor, Dean Ornish, que provou que as mudanças no estilo de vida muitas vezes podem reverter a progressão de doenças crônicas mais comuns e reverter o envelhecimento celular.

» Comande o dia, comande sua vida (ano: 2018 – tempo: 15min)
Neste livro, Aubrey Marcus oferece um manual que orienta o leitor a otimizar cada momento do dia e assim conseguir tirar o máximo proveito do corpo e da mente, diariamente. Com pequenas mudanças acionáveis implementadas ao longo de um dia, o livro mostra como se sentir melhor, ter um desempenho mais eficiente e viver mais feliz. E esses hábitos se transformam em rotinas semanais, acabando por se tornar parte de uma escolha saudável ao longo da vida.



Cura com mandalas
A Escola de Yoga Ponto de Equilíbrio e a professora Maria José Marinho vão promover no dia 26, sábado, um encontro de cura e paz interior: “Yoga e arteterapia de cura com as mandalas”. O termo cura remete ao princípio do equilíbrio e ao caminho do meio, trazendo autoconhecimento, desenvolvimento das potencialidades e maior conexão interior. O evento será das 8h às 14h e as vagas são limitadas. Informações e inscrições: 
(31) 3225-4222 e  WhatsApp (31) 99145-7178.


Publicidade