Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Estado de Minas

Por uma vida mais saudável


postado em 17/03/2019 05:11

Eduarda Araújo (E) contratou a consultoria da nutricionista Nathália e se deu conta dos erros que cometia na hora de comprar comida (foto: Carlos Vieira/CB/D.A. Press)
Eduarda Araújo (E) contratou a consultoria da nutricionista Nathália e se deu conta dos erros que cometia na hora de comprar comida (foto: Carlos Vieira/CB/D.A. Press)


Alimentar-se melhor e emagrecer são clichês na lista de promessas de quem quer mudar os hábitos e ter melhor qualidade de vida. Porém, muitas pessoas têm dificuldade de manter o foco e a determinação. Aos poucos, as metas vão sendo esquecidas. Sabendo disso, alguns profissionais oferecem serviços para facilitar a rotina e a busca pelos objetivos de manter a forma e ser mais saudável.


As nutricionistas da clínica Leve Nutrição Descomplicada queriam oferecer um trabalho além do atendimento no consultório. “Às vezes, é o primeiro contato do paciente com esse universo e, depois, ele não vai saber nem por onde começar”, esclarece a nutricionista Nathália Patrão. Assim, surgiu a ideia de acompanhá-los na hora de adquirir os itens do plano alimentar. Cada paciente faz o acompanhamento no máximo duas vezes: uma no mercado e outra na loja de produtos saudáveis. Alguns também contratam a consultoria para instruir as funcionárias que preparam a comida em casa.


A lista de compras é baseada na indicação da dieta. Durante, em média, uma hora, Nathália dá dicas básicas sobre o que deve ser considerado na hora de ir ao supermercado: a qualidade dos produtos, as marcas confiáveis, o que vale a pena ter em grande quantidade e os itens a serem adquiridos semanalmente. “Além disso, as pessoas precisam aprender a ler rótulos. Gosto de mostrar produtos sem glúten, que nem sempre são saudáveis, e produtos sem açúcar que, na realidade, têm outros tipos de açúcares”, comenta a especialista. Maltodextrina, glicose e sacarose são alguns exemplos de sinônimos que indicam a presença de doce – estratégia usada por muitos fabricantes.


Os resultados que a Leve Nutrição Descomplicada tem obtido com o serviço surpreenderam. Segundo Nathália, todas as pessoas tiveram aderência melhor à dieta. Ela acredita que quando aprendem a escolher os produtos, o próximo passo, que é botar em prática, fica mais simples. Orgulhosa, ela acrescenta que os alunos mandam fotos mostrando o que aprenderam ou fazendo as compras sozinhos.


Eduarda Araújo, de 20 anos, contratou o serviço em outubro do ano passado. Ela garante que desde os 16 se preocupa com a alimentação e julgava que sabia escolher os alimentos que consumia. “Descobri várias coisas que fazia errado”, afirma. Um dos “erros” era consumir ervilhas com wasabi diariamente. Mas a nutricionista Nathália lhe ensinou que, apesar de parecer saudável, essa opção é cheia de açúcares e de óleos.


A jovem reconhece a independência que conquistou depois do atendimento exclusivo. Hoje, se sente mais segura na hora de escolher o que comer e como fazer adaptações no plano alimentar proposto. “Às vezes, me surpreendo ensinando algo para minha mãe e para minhas amigas. Coisas que, atualmente, julgo como básicas e fico surpresa de as outras pessoas não saberem”, defende.


Desde 2018, a clínica Nutricionistas & Funcional firmou parceria com a chef Cleuza Cardoso. A nutricionista Cíntia Sousa já estava acostumada a ouvir as queixas dos pacientes que não queriam repetir o cardápio do almoço no jantar ou comer só um prato de salada fresca. Logo, eles se viam sem opções.

NA COZINHA Até que um dia, uma paciente disse que, para solucionar esse dilema, havia contratado uma profissional para ir à sua casa e preparar marmitas congeladas, de acordo com o plano alimentar. Foi assim que Cíntia e a sócia Daiane conheceram o trabalho de Cleuza, que faz receitas gostosas e saudáveis, de acordo com as orientações das profissionais.


A simplicidade é a palavra que define o serviço. Basta escolher as receitas do cardápio disponibilizado pela Nutricionistas & Funcional e marcar a melhor data para a visita da chef. Alguns dias antes, o contratante recebe a lista dos itens a serem comprados, com base no menu escolhido. O cliente só precisa deixar os produtos em casa e fazer uma breve apresentação da cozinha. A chef fica em média três horas preparando as receitas e, antes de ir embora, limpa a cozinha e todo o material utilizado.


“A combinação de praticidade, saúde e sabor é deliciosa”, afirma Cíntia. Outra vantagem é o custo/benefício. Mesmo usando itens nobres no preparo, como filé mignon e castanhas, o custo de uma marmita fica em torno de R$ 15 – considerando que cada uma tem 500ml de capacidade e o valor da diária. O rendimento é de 60 unidades em média, que variam entre refeições, lanches e sobremesas saudáveis.
O cardápio desenvolvido pelas profissionais inclui receitas aparentemente proibidas em dietas, como estrogonofe, lasanha, bolo e musse. Cíntia Sousa garante que mesmo as versões saudáveis das tradicionais preparações não deixam a desejar para o paladar.


Thágrid Rocha, de 38, concorda. “A lasanha de abobrinha é meu prato preferido, nem sinto vontade de comer a normal”, elogia.


Publicidade