Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. ASSINE AGORA >>

Publicidade

Estado de Minas Psicologia positiva

Abrindo a porta para uma vida nova

Experimente olhar para dentro. Parar e refletir sobre o que mais você pode fazer para inovar caminhos, fazer diferente a grande diferença'


26/07/2020 04:00






Estamos no meio de uma pandemia. A vida ficou confusa e sombria. Não sabemos o dia de amanhã. A maioria está perdida, vivendo como dá. Alguns lutam, buscam inovar. Preparam-se para o futuro com calma. E como deveríamos agir pensando de forma positiva?

O otimista é um realista do momento presente, aceita a realidade e o que precisa ser feito agora, mas também é um idealista de um futuro melhor. Ele busca mais a frente soluções para o que hoje enfrenta. Os cientistas que fazem vacina, os milionários que financiam são bons exemplos. Não desistem por estar num momento ruim. Buscar saídas é a medida certa.

E qual a sua medida certa?

Calma! Ir devagar, um dia de cada vez. As férias prolongadas, o confinamento em casa, passaram ou estão passando. Mas o que geralmente acontece com quem fica sem ver perspectivas, preso? Gera um sentimento de desesperança, sem enxergar futuro, tendemos a perder a vontade de lutar. Sem um para que viver, estacionamos, até adoecemos. O tédio vem da falta de vontade de fazer qualquer coisa.

Imagina que tudo se fechou, veio a escuridão e você parou. Bem ou mal, parou o que fazia e como fazia. Ficou ali, preso na escuridão do hoje e de um amanhã incerto. Agora, imagina que você está neste quarto escuro, pensando que não há saída. Mas sua mão toca a maçaneta da porta e você resolve abrir... Luz! Ela existe e pode vir a qualquer momento, basta que aceite que você pode abrir uma fresta de uma porta onde a luz reflita o que brilha em você mesmo.

Imagina que você tem tantas habilidades que poderá usar. Mas que estão falando nas mídias isso e aquilo e você se fecha esperando o sinal que vem de fora, ok agora já pode. Já pode o quê? Sair de casa? Mas quantas coisas podemos fazer de dentro de casa mesmo e gerar luz própria.

A abundância mora dentro de nós. Isso você precisa acreditar para buscar novas saídas. Experimente olhar para dentro. Parar e refletir sobre o que mais você pode fazer para inovar caminhos, fazer diferente a grande diferença. Assim, muitos estão vencendo barreiras, se reinventando e trazendo grandes benefícios à sociedade.

Eu mesma posso dar meu relato. Há muito tempo venho cogitando um aplicativo para fazer receitas digitais, gastar menos papéis. Pois minhas receitas, além de serem mensais, ainda precisam ser em duas vias. E, para piorar, são de muitos medicamentos para uma única pessoa e precisam ser em receitas separadas pois muitas vezes não tem tudo numa única farmácia e a receita fica retida. Pois só a pandemia aparecer que o aplicativo foi feito e já podemos receitar a distância. Além disso, eu sempre quis poder atender por telemedicina meus pacientes que moram distantes e precisam viajar horas, em estradas perigosas, para suas consultas. Isso também foi liberado.

Assim como lucrei com uma enormidade de facilidades, todos nós podemos olhar por este ângulo e ver alguma coisa mais moderna e inovadora que surgiu para melhorar a nossa vida.

Peter Diamandis, fundador e diretor da Singularity University na Califórnia, EUA, nos mostra em seu livro Abundância, que o mundo do futuro não será de miséria e fome. Pelo contrário, como o nome do livro diz, será de abundância, pois a tendência será cada vez mais pessoas, em seu “fundo de quintal”, em casa, descobrirem inovações que aperfeiçoam uma vida mais saudável e cômoda. E que as máquinas vão substituir os homens em muitos trabalhos, mas surgirão as mentes brilhantes abrindo as portas da inovação, criando inúmeras facilidades que veremos em breve.

O que você tem a oferecer ao mundo e já pode começar, que seja de dentro de casa? Abra a porta, deixe a luz penetrar e olhe para dentro. O que você tem de habilidades, ideias interessantes, o que você pode fazer agora para ajudar o mundo de amanhã. Isso lhe trará nova energia. Isso fará você ter um para que viver e trará um significado maior para sua vida. Seu chamado indo ao encontro com um momento promissor.

Lembre-se tudo precisa de esforço e coragem. Ter fé, acreditar que você pode fazer a diferença, que seja pintando porcelanas, cantando, fazendo doces, escrevendo livros, montando aplicativos, dando aulas on-line ou fazendo remédios. A vida precisa de cada um de nós com seu dom específico. E não tem um dom melhor do que o outro. Apenas precisamos de todos para termos tudo que vai nos levar além. Crie, inove e veja o mundo mudar com a sua colaboração para isso.

Abrir uma porta e deixar a luz entrar...

Deixe vir, apenas observe em seu dia a dia o que você pode oferecer ao mundo. Ofereça! Mas faça algo diferente, inovando a forma, o jeito, o “embrulho para presente” e verá que muita gente vai desejar o que você oferece. Seja único, faça do seu jeito. Isso é o que interessa!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade