Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. ASSINE AGORA >>

Publicidade

Estado de Minas

Nascida como sebo, Livraria Leitura caminha para ser a maior do país

Rede belo-horizontina deve chegar ao fim deste ano com mais de 75 lojas de porte espalhadas pelo Brasil


postado em 27/01/2020 04:00

Marcus Teles, presidente da Livraria Leitura: %u201CA Leitura vai bem, obrigado. Deve fechar 2020 com 75 livrarias em todo o país%u201D(foto: Cládio Cunha/Divulgação)
Marcus Teles, presidente da Livraria Leitura: %u201CA Leitura vai bem, obrigado. Deve fechar 2020 com 75 livrarias em todo o país%u201D (foto: Cládio Cunha/Divulgação)
Fundada em Belo Horizonte, em 1967, como Livraria Lê, então um pequeno “sebo” criado por Emidio Teles na Galeria Ouvidor, a hoje Livraria Leitura (o nome foi mudado em 1975) deverá se transformar este ano na maior livraria do Brasil, com mais de 75 lojas de porte espalhadas por todo o país. Enquanto suas grandes concorrentes, a Livraria Saraiva e a Livraria Cultura enfrentam problemas financeiros, ambas com pedidos de recuperação judicial, a Leitura segue impávida a sua carreira vitoriosa de 53 anos. Esta semana, o presidente do grupo, Marcus Teles, inaugura uma nova unidade no Shopping Ibirapuera, em São Paulo. Para março, está prevista a inauguração de uma Leitura em Juiz de Fora. Em abril, inaugura nova filial em São Paulo, no Shopping Santana Parque. Anote-se que, há 20 anos, 42,7% das cidades brasileiras tinham livrarias. Hoje, este total foi lamentavelmente reduzido para apenas 17,7%.

Lazer
Alegrias do povo

O governo da China, na contramão dos demais governos do mundo, sempre relutou em baixar medidas violentas contra o vício do fumo. Com 1,4 bilhão de habitantes, Pequim sabe que o cigarro é um dos poucos “divertimentos” e instrumento de lazer do chinês que mora no campo, onde é o “esporte” predileto dos camponeses para combater o tédio. Pois bem. O presidente Jair Bolsonaro teve um raciocínio semelhante, ao refutar a ideia do ministro da Economia, Paulo Guedes, que, na sua ganância em incrementar a arrecadação do governo, disse que pretende aumentar os impostos sobre bebidas alcoólicas, cigarro e produtos com açúcar. Mesmo em visita à Índia, Bolsonaro contrariou o ministro, vetando a sua pretensão. Em manifestação popularesca, Bolsonaro pediu desculpas, mas deu a entender a Guedes que taxar a cerveja, uma das poucas alegrias do brasileiro de salário esfarrapado, seria exagerar. Uma crueldade para a rapaziada que ganha pouco e que só desafoga as mágoas consumindo suas cervejinhas. Aliás, a taxação das bebidas alcoólicas no Brasil já é das mais altas do planeta. Mais do que o quinto do ouro.

Boate Kiss  
 Justiça brasileira

Registra-se na data de hoje o aniversário de sete anos da maior tragédia registrada em um clube noturno no Brasil, o incêndio da boate Kiss, em Santa Maria, no Rio Grande do Sul, onde morreram 242 pessoas, a maioria jovens, e ficaram feridas outras 680 pessoas. Ocorrência pavorosa, devido ao número de vítimas, mundialmente só perde para as tragédias da boate Coconut Grove, nos EUA, com 492 mortes, e a da discoteca em Luoyang, na China, com 309 mortes. Até hoje os culpados pela tragédia da boate Kiss ainda não foram julgados. Pode uma coisa dessas?

Marcos Brandão, CEO da BH Airport. A empresa pretende construir um shopping center no Aeroporto de Confins(foto: BHAirport/Divulgação)
Marcos Brandão, CEO da BH Airport. A empresa pretende construir um shopping center no Aeroporto de Confins (foto: BHAirport/Divulgação)


Shopping em Confins
Conselho de Presidentes

O Conselho de Presidentes, entidade fundada recentemente em BH, que reúne líderes empresariais mineiros para discutir decisões estratégicas no mundo empresarial, na base do apoio e aconselhamento mútuo, abre suas atividades deste ano promovendo amanhã, no San Francisco Flat, palestra do CEO da BH Aiport, Marcos Brandão. O executivo vai abordar o processo desenvolvido pelo consórcio da BH Airport que transformou o aeroporto de Confins em um dos melhores da América Latina (o melhor pela Airport Council World). Abordará também o importante projeto de construção pela empresa de um shopping center em Confins. Das 8h30 às 11h.

Jane Silva
Dobradinha cultural

Se a coluna não se engana, fato que ainda não foi devidamente ressaltado na biografia da futura secretária- adjunta de Cultura, a reverenda Jane Silva, escolhida pela futura secretária de Cultura, a atriz Regina Duarte, para ser a segunda pessoa da instituição, é que ela é figura das mais conhecidas da população evangélica de Belo Horizonte. Durante 20 anos, a reverenda foi pastora da Igreja do Evangelho Quadrangular em BH. É também uma das líderes da Comunidade Internacional Brasil & Israel, sendo que defende a transferência da embaixada do Brasil de Tel Aviv para Jerusalém. No momento, trata da nossa diversidade cultural.

Mulheres
Tema em discussão

Com o fim de celibato dos padres em discussão no Vaticano devido à posição favorável dada a entender em tom não oficial pelo papa Francisco, o que está provocando atritos com a ala conservadora da Igreja, hoje, em Roma,  será lembrado o aniversário de 43 anos da reunião de cardeais na Santa Sé, que confirmou mais uma vez outra posição radical da Igreja: a da proibição das mulheres de se tornarem sacerdotes. É mais um ponto de atrito que permanece em constante ebulição no Vaticano. Há séculos.

Mozart
236 anos do nascimento

Comemoram-se hoje os 236 anos do nascimento de Mozart, um dos maiores compositores clássicos do mundo em todos os tempos, junto com Beethoven. Seu nome completo era Johannes Chrysostumus Wolfgangus Theophilus Mozart mas nunca usou as formas latinas do nome. Nasceu em Salzburgo, na Áustria, em 27 de janeiro de 1756. Filho de um pai tirânico, também músico, começou a compor aos 5 anos.Criança prodígio, com apenas 7 anos deu concertos para a imperatriz Maria Tereza da Áustria e o rei Luiz XV, em Paris. Em 1769, com 12 anos, apresentou-se para o papa Clemente XIV em Roma. Passou uma vida de aperturas financeiras. Morreu pobre, em dezembro de 1791, com apenas 35 anos. Foi enterrado em uma cova rasa. Até hoje não se sabe ao certo o local de seu túmulo. De saúde fraca, caso tivesse vivido mais, teria deixado milhares de composições para encantar a humanidade, tal a fertilidade de seu cérebro para compor.

Salvador
Persistência do clã

A cidade de Salvador, de uma maneira ou de outra, continua sendo feudo do clã do saudoso político Antônio Carlos Magalhães, agora dominada pelo jovem prefeito Antônio Carlos Magalhães Neto. No fim de semana, ACM Neto inaugurou, com grande pompa, o centro de convenções da capital baiana. Investimento de R$ 130 milhões, espaço de 100 mil metros quadrados, capacidade para 15 mil pessoas. Sobre o nome dado ao novo centro de convenções quem afirmar que é “Antônio Carlos Magalhães” acertou. Na Bahia não tem escapatória. Minha Santa Gertrudes!

Diamante 
Maior jazida do mundo

Em 2012, de maneira muito discreta, o governo da Rússia, chefiado por Vladimir Putin, resolveu anunciar publicamente que o país possui a maior jazida de diamantes do mundo, situada na Sibéria, na região de Krasnoiarsk, formada há mais de 35 milhões de anos. A jazida teria sido descoberta em 1950, mas o fato foi mantido em segredo. Dizem que a jazida contém trilhões de quilates em diamantes, muito mais do que todas as demais jazidas existentes no mundo. Dá para suprir o planeta de diamantes por cerca de 3 mil anos. O governo russo não comercializa os diamantes da jazida (ou jazidas) para não desvalorizar o mercado mundial de brilhantes. Caso contrário, seria uma inundação total. Maiores detalhes dopo.

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade