Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. ASSINE AGORA >>

Publicidade

Estado de Minas

Bazar promovido por Mary Arantes tem peças únicas e imperdíveis

Evento, que começa nesta sexta e vai até domingo, reúne preciosidades para casa ou para presentear no Natal


17/12/2020 04:00 - atualizado 16/12/2020 19:48

A designer e empresária Mary Arantes promove bazar com clima de quermesse(foto: Arquivo Pessoal)
A designer e empresária Mary Arantes promove bazar com clima de quermesse (foto: Arquivo Pessoal)
Mary Arantes, designer de bijuterias e empresária, há quatro anos teve a ideia de montar um bazar com cara de quermesse. Nascida em Rio do Prado, no Norte de Minas, quis dar aos clientes sensação intimista como as que se veem no interior. As quermesses que promove sempre dão vontade de ficar, passar por cada estande e levar muitas preciosidades para casa ou para presentear. De amanhã (18) a domingo (20), ela fará uma nova edição, pautada pelas novas regras de convivência social.

Sua motivação foi o sucesso da quermesse que promoveu no início de dezembro, marcada pelo que ela chama de conscientização de todos os envolvidos, na qual tanto expositores quanto compradores, simples visitantes e curiosos seguiram as regras e protocolos de segurança à risca. Máscara, medição de temperatura ao entrar, álcool em gel à vontade, nada de aglomeração ou gente amontoada.

A decisão de reduzir o número de estandes e estender o evento por três dias – não dois, como de costume – foi determinante para evitar gente amontoada nesta época de pandemia.

Mary escolhe cada expositor a dedo. Gente que está por despontar ou despontando, com trabalhos primorosos, vê nas quermesses a chance de ganhar o mundo dos que têm bom gosto. Bom para quem vai e encontra uma seleção do que há de mais fino em termos de artesanato e artes plásticas.

Neste fim de semana, mais 12 expositores mostrarão suas produções na casa do bairro Serra, onde funcionou por anos o showroom Mary Design. Além dela própria, que apresentará nova coleção de bijus e acessórios, Lúcia Borges, conhecida por seu trabalho como designer de calçados, levará uma coleção de acessórios tendo a borracha como base, complementada com madeira ou pintada com tinta metálica. Cátia Magalhães, que trabalha a prata 950 e mistura de materiais, como pedras brutas, algodão, seda e linhas, constrói peças inspiradas na flora.

O setor de roupas ocupará dois estandes. Em um deles estarão os figurinistas e personal stylists Alex Dário e Vitor Carpe com parte de seu acervo de peças de vestuário e acessórios usados em obras do audiovisual e por celebridades, assim como brinquedos, utilitários e decoração. No outro, estará Flávia Souza, da Lóris moda infantil, com peças amplas em fibras naturais, que caem bem em todos os corpos.

Já a psicóloga Janaina Ianomani comparece com a linha de corpo e banho da D’banho, com sabonetes artesanais, escalda-pés, hidratantes para as mãos e aromatizadores.

A parte de artigos para casa e decoração concentra o maior número de expositores, a começar pela ceramista Ana Tereza Lage, que, de forma intuitiva, cria peças únicas de aspecto tortuoso, inacabado, bordas imperfeitas e pintura abstrata. Míria Tome, o nome por trás da Madame Frufru, traz em seus tapetes leituras da arte, da moda e das cores do mundo. Fica a dúvida: são tapetes ou painéis?

Inspirado nas imagens fotográficas da flora brasileira, Estêvão Machado produz passadeiras, caminhos de mesa e jogos americanos em tecido 100% algodão, assinando a marca Guilda Catarina. À frente da Marble Design Pieces, Raquel Guerra trabalha com objetos para mesa em pedras sintéticas e naturais, como a ardósia. Myriam e Maira Sette, da Aveia, reúnem jogos de mesa, tapetes, almofadas, estandartes, colchas e mantas produzidos com as técnicas tradicionais de Resende Costa. Liliane Coelho apresenta a série Orgânicos, com telas em diversos formatos e alguns itens funcionais, como carteiras confeccionadas com resíduos têxteis.

Por último, a ONG convidada a participar desta edição é a Ubuntu Nation, marca de produtos da Fraternidade Sem Fronteiras, que levará sousplats produzidos por Rogério Lima feitos com capulana, tecido típico africano trazido do Malaui. Em diversas estampas, sempre bem coloridas, os sousplats são embalados em sacolas do mesmo tecido. São ótima opção de presente para o Natal ou qualquer outra ocasião.

QUERMESSE DA MARY
Sexta (18) e sábado (19), das 10h às 19h; domingo (20), das 10h às 17h. Rua Rua Ivaí, 25, Serra. Informações: @quermessedamary.


*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade