Publicidade

Estado de Minas DICAS DE UMA DONA DE CASA

Saiba o que fazer para gerar economia doméstica

Em tempos de pandemia e carestia, cuidados, como comparar marcas e produtos, são essenciais para manter as finanças e bom funcionamento da casa


postado em 30/05/2020 04:00 / atualizado em 30/05/2020 07:10


Para os amigos e parentes mais próximos, sou maluca, porque continuo fazendo tudo que é preciso para o bom funcionamento de minha casa. É claro que tomo as devidas precauções, só saio uma vez por semana, chego aos supermercados tão logo são abertos e por aí vai. Essa ida pessoal é necessária, uma vez que os preços variam de acordo com a localização de cada ponto de venda. Sobrinha minha estava comprando uma peça de salaminho por R$ 45 no bairro onde mora e encontrou o mesmo produto, com a mesma marca e tamanho, por R$ 18 em banca do Mercado Central. Acontece que não são poucas as donas de casa sem nenhum conhecimento de coisa nenhuma, que da noite para o dia têm que assumir a responsabilidade do seu funcionamento, das compras a outros cuidados. Com esse cuidado de assumir a casa, as despesas caem muito e a economia nesses tempos é mais do que necessária.

O primeiro cuidado, que pouca gente faz, é dar uma geral na despensa: tire todos os alimentos do armário, organize-os por categoria (farinha, macarrão temperos, doces), para ter noção do que tem e do que falta, do que está sobrando e o que já passou da data de validade. Guarde tudo novamente, deixe os pacotes fechados na parte de trás e coloque na frente os abertos e mais utilizados. Isso economiza tempo na hora de procurar pelo alimento, e fica mais fácil de fazer a lista do mercado, pois evita a compra de algo supérfluo. O gás é muito importante e por isso sempre observe a cor da chama. Se forem amareladas ou alaranjadas, indica que a boca do fogão não está funcionando corretamente, ou que o gás está acabando e é hora de comprar um novo. Cozinhe com a panela tampada, isso concentra o calor e o alimento fica cozido mais rápido. Sempre que possível, utilize a potência máxima do forno, assim poderá aproveitar e cozinhar vários alimentos ao mesmo tempo. Na panela de pressão, os alimentos cozinham rapidamente, o que economiza tempo e gás.

Para economizar no mercado é imprescindível fazer listas, elas ajudam a não esquecer os produtos e comprar apenas o que foi marcado, gera economia. Limite os gastos, se for possível pague sempre em dinheiro, o cartão não costuma ser um aliado na hora das compras. Evite ir ao supermercado com fome, parece bobeira, mas ir às compras de estômago vazio condiciona a sair comprando tudo o que é visto à frente. Confira as promoções, compare produtos, marcas, tamanhos para não haver desperdício. Entenda o consumo da sua família, saiba o que é consumido diariamente, e compre apenas o essencial. Não é legal precisar jogar um alimento fora, pois ele passou muito tempo no armário e venceu. Conhecer as frutas da estação ajuda a escolher a que vai ser mais barato e melhor para a sua família. A energia continua muito cara: lembre-se de apagar as luzes da casa, reduzir o tempo nos banhos e lavar as roupas quando a quantidade for equivalente à capacidade máxima da sua máquina de lavar. Evite dormir com os aparelhos domésticos, como televisão e ar-condicionado, ligados.

Cuidados com a conta de água também são importantes: feche todas as torneiras que não estão sendo utilizadas; escove os dentes e lave a louça sem que elas estejam abertas; evite o desperdício; verifique vazamentos, conserte ou troque as torneiras que estiverem com algum problema. São dicas pequenas, mas é certo que a economia doméstica não será prejudicada e a família não passará por necessidades.

Compartilhe no Facebook
*Apenas para assinantes do Estado de Minas

Publicidade