SIGA O EM

Caco Barcellos é hostilizado durante manifestação de servidores no Rio

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
[{'id_foto': 1086820, 'arquivo_grande': '', 'credito': 'Z\xe9 Paulo Cardeal/TV Globo ', 'link': '', 'legenda': 'Caco Barcelos foi hostilizado durante manifesta\xe7\xe3o de servidores no Rio', 'arquivo': 'ns62/app/noticia_127983242361/2016/11/17/824433/20161117095001888427o.jpg', 'alinhamento': 'right', 'descricao': ''}]

postado em 17/11/2016 09:07 / atualizado em 17/11/2016 09:50

Agência Estado

Zé Paulo Cardeal/TV Globo
São Paulo- O jornalista Caco Barcellos foi hostilizado durante uma manifestação em frente à Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj), nesta quarta-feira, 16. De acordo com a Rede Globo, o apresentador do "Profissão Repórter" foi ao local para gravar uma reportagem para seu programa e acabou abordado por alguns integrantes do grupo que protestava no local.

Garrafas, caixas e até um cone de sinalização foram atirados na direção do jornalista. "O povo não é bobo, abaixo a Rede Globo", gritavam alguns dos manifestantes. Barcellos tentou proteger sua cabeça e foi escoltado por integrantes de sua equipe. Quando objetos voltaram a voar em sua direção, alguns policiais reforçaram a proteção do jornalista.

A manifestação foi organizada por servidores que são contra o pacote de ajuste fiscal proposto pelo governador Luiz Fernando Pezão (PMDB). A Associação Brasileira de Imprensa disse, em nota, que repudia as agressões "por entender que representam também uma grave ameaça à liberdade de imprensa e ao livre acesso a informação, assegurados pela legislação em vigor".
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
600