SIGA O EM

PPS decide no domingo se dará vice a João Leite na disputa à Prefeitura de BH

A legenda também é cobiçada por outros pré-candidatos à prefeitura, como o vice-prefeito Délio Malheiros (PSD)

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.
[{'id_foto': 1061483, 'arquivo_grande': '', 'credito': 'Juarez Rodrigues /EM/D.A. Press ', 'link': '', 'legenda': 'O vereador Ronaldo Gontijo \xe9 o mais cotado para ser vice na chapa tucana', 'arquivo': 'ns62/app/noticia_127983242361/2016/07/29/789037/20160729130013592496u.JPG', 'alinhamento': 'right', 'descricao': ''}]

postado em 29/07/2016 12:52 / atualizado em 29/07/2016 14:08

Juliana Cipriani /

Juarez Rodrigues /EM/D.A. Press
Um dos partidos mais cobiçados na sucessão municipal, o PPS decide no domingo pela manhã se dará o vice ao candidato do PSDB à Prefeitura, deputado estadual João Leite, ou se vai apoiar a candidatura do economista e engenheiro Paulo Brant. O mais provável é que a legenda confirme a adesão à candidatura tucana e ofereça o vereador Ronaldo Gontijo para completar a chapa.

Em reunião na quarta-feira do diretório municipal do PPS, a união com o PSDB foi aprovada por um placar de 18 a 12 votos. “Esse indicativo vai para a convenção e tem um certo peso, mas todos os filiados em dia com a contribuição partidária tem direito a voto, então, só no domingo bate o martelo”, afirmou Gontijo, que preside o PPS de BH.

O partido está dividido quanto ao apoio. Enquanto o grupo de Gontijo quer a aliança com o PSDB, a ala ligada à ex-vereadora Luzia Ferreira quer que a legenda se una à candidatura patrocinada pelo prefeito Marcio Lacerda. Ocorre, que do lado do socialista não há a oferta para ter o vice na chapa muito em função de o PPS agregar apenas 18 segundos na propaganda eleitoral.

Luzia também é cotada para ser a candidata a vice-prefeita do partido mas, diante da proximidade dela com Lacerda – ela foi secretária de governo e políticas sociais na PBH – a participação com João Leite fica mais complicada.

Não são apenas PSB e PSDB que cobiçam o apoio do PPS. O vice-prefeito Délio Malheiros, que é pré-candidato à Prefeitura, também convidou a legenda e chegou a dizer que um vice do PPS seria a aliança dos sonhos. 

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
600