SIGA O EM

Onda de lama que atinge o Rio Doce chega à cidade de Valadares

No final da tarde desta segunda-feira, parte do rio que passa na cidade já foi atingida pela lama. Saae afirma que situação ficará crítica

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 09/11/2015 18:34 / atualizado em 10/11/2015 12:17

Paula Carolina /Estado de Minas


A onda de lama que atinge o Rio Doce chegou a Governador Valadares no fim da tarde desta segunda-feira e deve deixar a situação crítica na cidade.

O diretor adjunto do Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae) de Governador Valadares, Vilmar Rios, explica que uma primeira leva de lama, mais rala, atingiu o rio em um ponto a cerca de 80 quilômetros da cidade no fim de semana.

Uma análise da água foi feita, mas foi constatado - conforme os parâmetros legais - que a água poderia ser tratada para uso. No entanto, uma onda de lama mais forte chegou depois e nessa foi constata a presença de ferro e manganês, impossibilitando o uso da água.

Para complicar, no fim da tarde desta segunda-feira, a onda já atingiu a parte do rio que passa dentro da cidade. Chegou primeiro ao Bairro São Raimundo, de onde já pode ser avistada pela ponte local. E em breve deve chegar aos bairros São Paulo, Ilha dos Araújos, Esplanadinha, São Pedro e Universitário.

Segundo Vilmar Rios, a lama é densa e com certeza a água não será passível de tratamento. Ele informa que a Samarco ficou de providenciar caminhões-pipa para suprir as necessidades básicas de hospitais e escolas, mas ainda não se sabe quando esses caminhões chegarão.

No momento, não há mais tratamento de água em Valadares. A cidade tem cerca de 10 reservatórios que continuam abastecendo a população. "Aí vai do consumo de cada um. Não é possível saber quando essa água vai acabar. Mas quando acabar, acabou. Vamos ficar sem água mesmo. Uma situação crítica", afirmou Vilmar.

O pico da passagem da lama da barragem de Mariana, pela calha do rio Doce previsto para s 21h de ontem, na verdade come...

Posted by Prefeitura Municipal de Governador Valadares on Segunda, 9 de novembro de 2015
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação
600