Publicidade

Estado de Minas world première

Volkswagen Taos SUV médio utilitário-esportivo plataforma MQB turbo Argentina Pacheco

Modelo será produzido no país vizinho a partir do início de 2021 e chegará ao Brasil em seguida, trazendo muita tecnologia para enfrentar o líder do segmento Jeep Compass


10/10/2020 04:00

O Volkswagen Taos usa a plataforma MQB e vai se situar entre o compacto T-Cross e o Tiguan AllSpace(foto: Volkswagen/Divulgação)
O Volkswagen Taos usa a plataforma MQB e vai se situar entre o compacto T-Cross e o Tiguan AllSpace (foto: Volkswagen/Divulgação)


A Volkswagen está cumprindo sua promessa de aumentar sua linha de produtos até 2025, com foco principalmente no segmento de SUVs, que cresce significativamente em todo o mundo. Dando continuidade ao seu programa de lançamentos, a montadora realiza nesta terça-feira (13), diretamente da Argentina,  a world première do novo SUV médio Taos, que vai se posicionar entre o T-Cross e o Tiguan AllSpace. O modelo será produzido no país vizinho, na fábrica de Pacheco, e terá sob o capô o conhecido motor 1.4 TSI. A chegada do Taos ao mercado brasileiro está prevista para o segundo semestre de 2021.
 
Para produzir o Taos na fábrica de Pacheco, na Argentina, a Volkswagen revela ter investido US$ 650 milhões. O modelo é mais um fruto da plataforma MQB, que permite diferentes variações, e já deu origem ao Polo, Virtus, T-Cross e Nivus. A produção em solo argentino será iniciada no primeiro trimestre de 2021, sendo que cerca de 70% do volume será destinado ao Brasil e outros mercados da América do Sul.
 
Modelo será equipado com motor 1.4 turbo, que desenvolve 150cv e 25,5kgfm de torque(foto: Volkswagen/Divulgação)
Modelo será equipado com motor 1.4 turbo, que desenvolve 150cv e 25,5kgfm de torque (foto: Volkswagen/Divulgação)
 

EQUIPAMENTOS De acordo com a Volkswagen, o Taos vai se situar entre o T-Cross e o Tiguan AllSpace, trazendo uma lista de conteúdo repleta de tecnologias de auxílio à condução. Entre os equipamentos previstos estão o Controle de Cruzeiro Adaptativo (ACC), sistema de frenagem automática de emergência, alerta de tráfego cruzado, assistente de partida em rampa, sensores dianteiros, traseiros e laterais, e sistema de monitoramento da pressão dos pneus.

CONJUNTO MECÂNICO O motor que equipará o VW Taos será o 1.4 TSI, que desenvolve potência de 150cv e torque máximo de 25,5kgfm. O propulsor será associado a câmbio automático de seis velocidades. Especula-se que em outros mercados o Taos poderá ser equipado com um motor 1.5 turbo de 160cv e 25,4kgfm, com tração integral.
 
As imagens do modelo camuflado revelam que as linhas da carroceria lembram muito o Tiguan e o T-Cross. Com formas robustas, o Taos terá grade do tipo colmeia, elemento que aparece também na grande entrada de ar na parte inferior do para-choque. Os faróis em LED, com duplo projetor, trazem luzes diurnas que formam conjunto com o friso que atravessa a grade. Nas laterais, molduras nas caixas de rodas e vincos acima das maçanetas e na parte inferior das portas. Na traseira, lanternas horizontais com LED, defletor de ar na parte superior e saídas de escape no para-choque.

CONCORRÊNCIA A world première do Volkswagen Taos está marcada para as 19h do dia 13, terça-feira, quando o modelo será revelado ao mundo sem camuflagens. A chegada ao Brasil está prevista para o segundo semestre de 2021 e a expectativa da VW é alcançar a liderança do segmento de SUVs médios. Não vai ser fácil, já que terá que desbancar o líder, Jeep Compass. Vai depender muito da política de preços adotada pela Volkswagen, que não costuma cobrar barato por seus modelos.

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade