Publicidade

Estado de Minas

Como seria a vida sem smartphones, questiona fotógrafo, que propõe uma autoanálise; veja imagens

'Imagine como você ficaria sem seu celular. Você se sentiria sozinho? Meio maluco?', questiona Erick Pickersgill idealizador do projeto 'Removed'


postado em 17/09/2019 18:18 / atualizado em 17/09/2019 19:10

(foto: Divulgação/Eric Pickersgill)
(foto: Divulgação/Eric Pickersgill)
O fotógrafo americano Eric Pickersgill criou o projeto “Removed” onde ele fotografou em uma série pessoas em seu dia a dia. As fotos ficaram famosas, porque cenas comuns na verdade foram "editadas". A ideia do fotografo foi retirar os smartphones, presentes no cotidiano de todos, dos momentos onde os aparelhos atrapalhavam a socialização.


A proposta do trabalho é imaginar a vida sem os aparelhos eletrônicos. Erick propõe por meio das imagens, uma autoanálise: “O que você seria sem seu smartphones? Imagine como você ficaria sem seu celular. Você se sentiria sozinho? Meio maluco?”, questiona.


Os resultados são muito interessantes. Veja as fotos:

Ver galeria . 8 Fotos Divulgação/Eric Pickersgill
(foto: Divulgação/Eric Pickersgill )

 

A vida on-line no Brasil 
 

Dados de um levantamento do Comitê Gestor da Intenet no Brasil, divulgados em julho deste ano, apontam que 49% dos internautas brasileiros usam apenas o telefone celular para acessar a rede. O Brasil é um dos campeões mundiais em tempo de permanência na internet, fincando em terceiro lugar. Segundo a pesquisa feita pelo We are Social, o brasileiro fica, em média, nove horas e 14 minutos conectado.

*Estagiária sob supervisão da editora-assistente Vera Schmitz

 


Publicidade