Publicidade

Estado de Minas

Celular que promete ''fazer foto da lua'' chega ao Brasil; entenda como funciona

Aparelho com supercâmera criada em parceria com a alemã Leica marca retorno da Huawei ao mercado de smartphones no país


postado em 30/04/2019 20:08 / atualizado em 30/04/2019 21:07

Nascimento, no evento de lançamento do novo produto, em São Paulo, mostra a imagem da lua (E) e outras fotos feitas em condições de pouca luminosidade (D, em baixo). O P30 Pro também tem design premium (D, superior)(foto: Fred Bottrel/EM/D.A/Press)
Nascimento, no evento de lançamento do novo produto, em São Paulo, mostra a imagem da lua (E) e outras fotos feitas em condições de pouca luminosidade (D, em baixo). O P30 Pro também tem design premium (D, superior) (foto: Fred Bottrel/EM/D.A/Press)

São Paulo - “Parem de apontar os celulares na direção da lua. Essas fotos não ficarão boas. Fotografem ovos fritos, bifes acebolados, doces em geral”, já recomendou Padre Fábio de Melo em um de seus mais célebres tuítes. Os chineses da Huawei, que retomam as operações no mercado de smartphones no Brasil a partir de maio, contrariam a recomendação do religioso tuiteiro e lançam no país seu P30 Pro - o aparelho chega no mercado a R$ 5,5 mil.

O novo aparelho combina série de inovações em sensores de captação e processamento das cores e luminosidade com um sistema periscópio de lentes da empresa alemã Leica. O resultado, demonstrou o lançamento em São Paulo, na noite desta terça-feira, inclui um viável registro do nosso satélite.

“Eu realmente nunca esperei conseguir tirar uma foto da lua com meu smartphone”, admite José Luiz do Nascimento, diretor de vendas para operadoras Huawei Consumer Business Brasil. A foto da lua (feita no modo automático e não no modo pro da câmera - aquele que permite ajustar as complexas configurações para o consumidor) é um bom exemplo de como o P30 Pro pode ser capaz de assegurar bons resultados em fotografia.

Foto de Iván Aguirre, feita com o P30 Pro(foto: Fred Bottrel/EM/D.A/Press)
Foto de Iván Aguirre, feita com o P30 Pro (foto: Fred Bottrel/EM/D.A/Press)
Com o combo de novas tecnologias, o P30 Pro promete entregar fotos com qualidade, com zoom ótico de 5x (esta é a aproximação inteiramente feita por meio do mecanismo de lentes, sem distorções, embaçamento ou pixelizações decorrentes da forçação de barra do digital). O zoom híbrido (ótico + digital), a imagem vai a 10x e o zoom digital permite aproximação de 50x (este último, claro, funciona bem melhor em ambientes iluminados).

Mas as imagens em baixas condições de luminosidade (tanto fotos quanto vídeos) também estão entre as novidades que o P30 anuncia. Com ISO de 409600, o marketing do aparelho gaba-se de superar mesmo câmeras profissionais. “É de fato um aparelho que enxerga no escuro”, diz Nascimento.

Outra abordagem que contribuiu para esse resultado é o sistema de cores RYYB (Red, Yellow, yellow and Blue) em vez do já conhecido RGB (Red, Green, Blue). Em vez do verde, entra o componente amarelo e isso garante melhor controle da luminosidade, atesta a marca.

Fotos de Bob Wolfenson, clicadas com o novo aparelho Premium(foto: Fred Bottrel/EM/D.A/Press)
Fotos de Bob Wolfenson, clicadas com o novo aparelho Premium (foto: Fred Bottrel/EM/D.A/Press)

No modo vídeo, chama atenção a captação dupla em lente objetiva e grande angular. Na prática, é como se uma câmera fizesse o trabalho de duas, o que pode gerar resultados interessantes para edição.

A VOLTA DA HUAWEI

O retorno ao Brasil com um celular premium nesta faixa de preço mora fatia ambiciosa do mercado. A Huawei foi pioneira no desenvolvimento de várias tecnologias que hoje estão presentes em concorrentes (sensor de impressão digital, múltiplas câmeras e carregamento reverso são algumas). 

O plano é garantir por aqui performance equivalente às participações de mercado que ostenta no resto do mundo: 3º lugar em marketshare, com 206 milhões de unidades já vendidas. Quando deixou o país há quatro anos, a empresa o fez pressionada pelo avanço do dólar. Retoma a operação ainda com aparelhos importados, mas planeja também lançar as bases para a produção local até o fim do ano. E chega mirando alto no mercado premium.

* O jornalista viajou a convite da Huawei

Aparelhos da Huawei no mercado brasileiro a partir de 17/5

P30 Pro - 5,5 mil 8GB 256GB

Lite - R$ 2,5 mil 4GB 128GB

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade