Publicidade

Estado de Minas

Europa amplia o uso de eletrônicos fora do modo avião em voos


postado em 26/09/2014 13:00 / atualizado em 26/09/2014 13:35

(foto: Reprodução/easa.europa.eu)
(foto: Reprodução/easa.europa.eu)
A Agência de Segurança Europeia (Easa) autorizou nesta sexta-feira o uso de equipamentos eletrônicos portáteis durante todo o voo. Agora os passageiros poderão usar tablets, laptops, smartphones, e-readers ou MP3 player sem restrições. A autorização abre campo para que as companhia aéreas possam oferecer o sinal de wifi para seus clientes, permitindo a conexão ininterrupta à internet, do portão de embarque ao desembarque.

Antes, o uso só era permitido se os aparelhos não estivessem transmitindo dados, isto é, no 'modo avião'. Segundo comunicado da agência, a autorização do uso destes dispositivos cabe a cada companhia aérea. Elas terão que passar por um processo de avaliação para garantir que as aeronaves não são afetadas pela transmissão dos sinais dos equipamentos. Se o avião estiver devidamente equipado, até mesmo ligações telefônicas podem ser realizadas durante o voo.

Segundo a agência, por razões de segurança, as companhias  podem restringir o uso dos equipamentos e podem ocorrer diferenças de autorização dependendo da aeronave usada. Assim, a Easa recomenda que os passageiros verifiquem o site de cada companhia aérea antes do voo e chequem o manual de segurança dentro da aeronave. Mesmo assim,  a tripulação da companhia pode solicitar o desligamento dos dispositivos por questões de segurança.

(foto: Reprodução/twitter.com/easa)
(foto: Reprodução/twitter.com/easa)
 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade