Publicidade

Estado de Minas COPA DO BRASIL

América-RN x Cruzeiro: vaga é da Raposa

Cruzeiro derrota o América-RN e avança à terceira fase. Com quarta vitória seguida, time alcança melhor sequência entre últimos treinadores


15/04/2021 04:00 - atualizado 15/04/2021 11:47

Matheus Barbosa marcou o gol celeste no 1 a 0 na Arena das Dunas: equipe não brilhou, mas teve eficiência(foto: VITORINO JUNIOR/PHOTOPRESS/ESTADÃO CONTEÚDO)
Matheus Barbosa marcou o gol celeste no 1 a 0 na Arena das Dunas: equipe não brilhou, mas teve eficiência (foto: VITORINO JUNIOR/PHOTOPRESS/ESTADÃO CONTEÚDO)

O placar magro, 1 a 0, sobre o América-RN, em Natal, foi suficiente para garantir o Cruzeiro na terceira fase da Copa do Brasil. O gol do volante Matheus Barbosa já aos 37min da etapa final salvou os cruzeirenses de um sofrimento maior na noite de ontem, pois a definição da vaga iria para a disputa de pênaltis em caso de empate no tempo regulamentar.
 
Na próxima etapa, entram equipes teoricamente mais fortes, como as que disputam a Copa Libertadores, além de outras, como a Chapecoense, campeã da Série B do Campeonato Brasileiro de 2018. O adversário da Raposa (assim como o do América, também classificado) sairá de sorteio, em data a ser definida pela CBF.
 
“A gente veio de desgaste grande, viagem (até a capital potiguar), do clássico (contra o Atlético), da sequência de jogos (cinco em 14 dias). Mas vai ser assim na temporada e serve de ensinamento, serve para ganhar maturidade. Hoje, tivemos paciência, circulamos a bola, melhoramos no segundo tempo, crescemos no cenário do jogo. A equipe vem apresentando maturidade, uma consistência, isso me deixa feliz, assim como a classificação”, diz o técnico Felipe Conceição, que chega à quarta vitória seguida no comando do Cruzeiro, superando os antecessores Luiz Felipe Scolari e Ney Franco, que não atingiram a marca.
 
Um dos segredos foi testar os atletas no início e agora, passadas 11 partidas, ter ideia de time base, capaz de dar a resposta. O próximo desafio é garantir vaga nas semifinais do Campeonato Mineiro, o que pode ocorrer domingo, quando visita o Pouso Alegre, no Sul de Minas.
 
“A gente conseguiu manter a escalação por três jogos, o que é importante para dar consistência, e a partir desta quinta-feira vamos ver o que fazer para domingo. Viemos em sequência positiva, mas ainda temos de buscar nossa classificação no Mineiro. Teremos outros jogos decisivos”.

SALVAÇÃO

O duelo de ontem foi fraco tecnicamente no primeiro tempo. Tanto Samuel quanto Fábio, os goleiros em campo, pouco trabalharam. O arqueiro potiguar praticamente só precisou intervir em chute fraco de Adriano, aos 13min, defendido em dois tempos. Já o mítico camisa 1 mineiro espalmou arremate de Felipe Guedes nove minutos mais tarde.
 
No segundo tempo, a impressão era de que seria tudo diferente, pois aos 2min Marcinho quase marca em bom chute de fora da área. Cinco minutos depois, Romarinho obrigou novamente Fábio a desviar, em chute cruzado.
 
Aos 12min, Éverton Silva arrancou na direita, passou por três e cruzou para Wallace Pernambucano, que cabeceou fraco. Já no minuto seguinte, Rafael Sóbis arriscou de fora e assustou Samuel. Aos 16min, Aírton cabeceou rente ao travessão, e, aos 21min, Fábio saiu nos pés de Caxito.
 
Felipe Conceição mudou o time, promovendo as entradas de Felipe Augusto, Rômulo e William Pottker. E um deles, Rômulo, aos 36 minutos, acertou o travessão, com desvio do goleiro. E outro, Felipe Augusto, fez assistência, no minuto seguinte, para Matheus Barbosa marcar o gol da vitória.
 
A partir de então, a Raposa soube administrar a vantagem. Já o adversário tentou de todas as formas a igualdade, que levaria aos pênaltis, mas sem sucesso.

FICHA TÉCNICA

América-RN 0 x 1 Cruzeiro

América-RN: Samuel; Éverton Silva, Alisson Brand, Ian Carlo e Peri; Felipe Guedes, Juninho (Beto 40 do 2º), Romarinho e Elvinho (Geovani 28 do 2º); Caxito (Luam 28 do 2º) e Wallace Pernambucano
Técnico: Evaristo Piza
Cruzeiro: Fábio; Cáceres, Weverton, Ramon e Matheus Pereira; Adriano (Matheus Néris 40 do 2º), Matheus Barbosa (Jádson 40 do 2º), Bruno José (Felipe Augusto 33 do 2º), Marcinho (Rômulo 25 do 2º) e Aírton (William Pottker 25 do 2º); Rafael Sóbís
Técnico: Felipe Conceição
Jogo único da segunda fase da Copa do Brasil
Estádio: Arena das Dunas
Gol: Matheus Barbosa 37 do 2º
Árbitro: Jefferson Ferreira de Moraes (GO)
Assistentes: Cristhian Passos Sorence e Leone Carvalho Rocha (GO)
Cartão amarelo: Adriano, Geovani e Rafael Sóbis



*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade