Publicidade

Estado de Minas CRUZEIRO

Fifa cancela 'transfer ban', e Cruzeiro obtém permissão para voltar a registrar reforços

Clube anunciou fim da punição no início da tarde desta terça-feira


27/10/2020 16:50

Cruzeiro anunciou fim do 'transfer ban' no início da tarde desta terça-feira (foto: (Foto: Bruno Haddad/Cruzeiro))
Cruzeiro anunciou fim do 'transfer ban' no início da tarde desta terça-feira (foto: (Foto: Bruno Haddad/Cruzeiro))
O Cruzeiro anunciou, no início da tarde desta terça-feira, que a Fifa cancelou o transfer ban (punição que impossibilita o registro de novos jogadores). Com isso, o clube pode voltar a inscrever reforços em todas as categorias.
A punição, executada a partir do início de setembro, deveu-se à dívida com o Zorya, da Ucrânia, pela contratação do atacante Willian, realizada em 2013.

Para quitar o débito de 1.159.786,31 de euros (quase R$ 7,8 milhões na cotação atual), o clube contou com a ajuda do mecenas Pedro Lourenço, dono dos Supermercados BH.

"Ótima notícia, nação azul! A sanção de transfer ban, aplicada pela Fifa, está cancelada! Desta forma, o Cruzeiro pode voltar a registrar atletas em todas as suas categorias", publicou o clube celeste nas redes sociais.

Dos três contratados no período de transfer ban, o atacante Iván Angulo já deixou o clube rumo ao Botafogo; o meia Matheus Índio ainda não tem uma definição sobre a inscrição; já o também meia Giovanni deverá ser o primeiro registrado.

A pedido do técnico Luiz Felipe Scolari, o Cruzeiro ainda busca um volante e um atacante. Também não está descartada a chegada de um zagueiro.

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade