Conteúdo para Assinantes

Continue lendo ilimitado o conteúdo para assinantes do Estado de Minas Digital no seu computador e smartphone.

price

Estado de Minas Digital

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas digital por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Estado de Minas

Briga pela última vaga


postado em 29/06/2019 04:10

A Celeste, de Cavani, desafia o Peru, de Paolo Guerrero: vantagem histórica para os uruguaios(foto: Fotos: AFP)
A Celeste, de Cavani, desafia o Peru, de Paolo Guerrero: vantagem histórica para os uruguaios (foto: Fotos: AFP)

Uruguai e Peru duelam hoje, no último confronto das quartas de final da Copa América. A partida será ás 16h, na Arena Fonte Nova em Salvador, para definição do quarto semifinalista da competição continental. Os uruguaios garantiram a primeira colocação do Grupo C, com 7 pontos, após vitórias contra Equador e Chile e empate diante do Japão. Já os peruanos têm a missão de provar competitividade, já que figuraram apenas na terceira posição da chave A, com 4 pontos, sendo derrotados pelo Brasil, chegado a um empate com a Venezuela e vencido a Bolívia.

O meia Vecino, que atua pela Inter de Milão-ITA, lesionado na partida contra o Equador e cortado da Copa América, será um dos desfalques do Uruguai. Também está fora o lateral-esquerdo Diego Laxalt, do Milan-ITA, que não se recuperou de lesão muscular na perna direita, sofrida frente ao Japão, na segunda rodada.

Já o volante Torreira, do Arsenal-ING, está livre de problema físico, mas ainda não começará entre os 11 titulares do técnico Óscar Tabárez. Ele passou por crise estomacal, febre, vômitos e a perda de três quilos, mas a tendência é de que fique no banco de reservas ao lado de Lodeiro. O setor de meio de campo uruguaio deverá contar com Valverde, Rodrigo Bentancur, Nahitán Nández e De Arrascaeta.

No lado do Peru, além da troca entre Flores e Farfán, cortado do torneio devido a lesão no joelho, Gareca deverá promover mais duas mudanças na equipe: o zagueiro Zambrano, recuperado de lesão, entra no lugar de Abram, enquanto Pollo dá vaga ao meia Carrillo.

À FRENTE A vantagem é uruguaia na história do confronto. As equipes se enfrentaram 65 vezes, com 36 vitórias do Uruguai, 16 peruanas e 13 empates. Na Copa América, houve 20 duelos, também com superioridade dos uruguaios: 12 triunfos para os bicampeões do mundo, além de seis derrotas e dois empates.

O último encontro entre as seleções no torneio sul-americano foi na edição de 2011, na Argentina, nas semifinais. O Uruguai saiu vencedor por 2 a 0, com dois gols de Luis Suárez, e seguiu para vencer o título contra o Paraguai na decisão.
 
URUGUAI X PERU
URUGUAI
Muslera; Martín Cáceres, Giménez, Godín e Gio González; Valverde, Bentancur, Nández e De Arrascaeta; Cavani e Suárez
Técnico: Óscar Tabárez
PERU
Gallese; Advincula, Zambrano, Abram e Trauco; Tapia, Yotún, Carrillo, Cueva; Florez e Guerrero
Técnico: Ricardo Gareca
Estádio: Arena Fonte Nova
Horário: 16h
Árbitro: Wilton Sampaio (BRA)
TV: Sportv



 


Publicidade