Conteúdo para Assinantes

Continue lendo ilimitado o conteúdo para assinantes do Estado de Minas Digital no seu computador e smartphone.

price

Estado de Minas Digital

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas digital por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Estado de Minas

Jesus vai ao Horto. Galo cita só 'visita'


postado em 19/05/2019 04:08

O português Jorge Jesus esteve no estádio, mas negou negociações para assumir o alvinegro(foto: Renan Damasceno/EM/D.A Press)
O português Jorge Jesus esteve no estádio, mas negou negociações para assumir o alvinegro (foto: Renan Damasceno/EM/D.A Press)


Enquanto o Atlético brigava em campo, os bastidores do clube estavam agitados. Sem técnico principal desde a saída de Levir Culpi, há 40 dias, a diretoria segue em busca de treinador no mercado. Ontem, o português Jorge Jesus assistiu à partida no Independência em um dos camarotes do estádio, ao lado de Ricardo Guimarães, do banco BMG, Rubens Menin, da MRV, e Lucca Bertolucci, filho do empresário Giuliano Bertolucci. Jesus, de 64 anos, está sem clube desde que deixou o Al-Hilal.

Apesar da expectativa, o presidente Sérgio Sette Câmara negou estar ocorrendo negociação. “Ele está fazendo um tour pelo Brasil. Só isso, nada demais. A gente nem conversou. Só bati um papo com ele, disse que é um prazer recebê-lo aqui”, afirmou o presidente, no intervalo. “Ele está aqui realmente fazendo uma visita. Não veio para tratar de contratação com o Atlético e até me disse que irá a São Paulo assistir a um jogo lá também”, completou Sette Câmara, que presenteou o português com uma camisa do Atlético.

Na saída, Jesus disse que não está em conversações com a diretoria atleticana e que vai para a Europa. Ao Estado de Minas, aproveitou para elogiar a torcida atleticana. “Gostei principalmente dos adeptos. Os fãs do Galo são impressionantes”, disse. Com passagem pelos principais clubes portugueses, o trabalho mais notório de Jesus foi à frente do Benfica, entre 2009 e 2015, quando conquistou nove troféus, sendo três campeonatos portugueses, cinco taças de Liga e uma taça de Portugal.


Publicidade