Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Estado de Minas

Foco total no Huracán


postado em 09/04/2019 05:07

Dedé, zagueiro celeste:
Dedé, zagueiro celeste: "A final do Mineiro é depois do Huracán. Estou muito concentrado na Libertadores e prefiro falar dela" (foto: Alexandre Guzanshe/EM/D.a press)


O Cruzeiro já sabe que fará o primeiro jogo da decisão do Campeonato Mineiro contra o Atlético no domingo, às 16h, no Mineirão, e já vai até começar a vender ingressos hoje. Porém, entre jogadores e comissão técnica, a ordem é ter concentração total no jogo contra o Huracán-ARG, amanhã, às 19h15, no Mineirão, pela quarta rodada do Grupo B da Copa Libertadores.

Se vencer, a Raposa vai confirmar a vaga nas oitavas de final da competição continental com duas rodadas de antecipação e irá ainda mais embalada para enfrentar o maior rival em dois jogos. O de volta do Estadual ainda não tem data confirmada, podendo ser na quarta-feira ou no sábado da semana que vem.

A ordem vem sendo seguida tão à risca que os atletas não estão nem respondendo perguntas sobre a decisão do Mineiro. “Focamos jogo a jogo e primeiro é o Huracán-ARG, o jogo da nossa classificação, no qual queremos manter os 100% de aproveitamento. Depois vamos pensar, estudar e trabalhar para o clássico”, disse o zagueiro Dedé, quando questionado sobre a vantagem do tradicional rival de jogar por dois empates ou vitória e derrota pela mesma diferença de gols. “Vantagem é sempre importante, mas a final do Mineiro é depois do Huracán. Estou muito concentrado na Libertadores e prefiro falar dela.”

Já que o assunto é a Libertadores, uma das preocupações dos atletas é descansar, pois a sequência vem sendo pesada. Além disso, prometem manter os pés no chão, apesar da má fase do adversário, que é lanterna da chave, com apenas um ponto em três jogos. “Não podemos entrar achando que vai ser fácil. Temos de começar do zero, esquecendo o que já fizemos, a gordura que acumulamos. Temos de focar no que temos de fazer no jogo. Tenho certeza que nosso treinador sabe os pontos fortes e fracos do Huracán e a gente vai tentar colocar dificuldade para o adversário, fazer nosso melhor e sair com a vitória”, afirmou Dedé.

O Cruzeiro vem de excelentes resultados na Libertadores, como as duas vitórias fora de casa, uma delas contra o próprio Huracán. Já na semana passada, foi ao Equador e bateu o Emelec. Ambos os jogos foram bastante disputados. “Contra o Emelec, só terminamos o jogo bem porque nosso time é maduro. Vamos tentar fazer a mesma coisa agora.”

OPÇÕES Para amanhã, o técnico Mano Menezes tem muitas opções para escalar o time. O volante Henrique e o armador Marquinhos Gabriel, que não jogaram contra o América, no sãbado, estão à disposição. Já Thiago Neves vem treinando normalmente e pode ser relacionado, mas agora com chance real de jogar, depois de ter ido ao clássico com o Coelho para “sentir o cheiro do gramado”, segundo palavras do treinador celeste.

Contratado na semana passada, o atacante Pedro Rocha ainda não deverá se concentrar. A intenção é dar mais ritmo e entrosamento a ele, que estava no futebol russo.

A definição da equipe que começa jogando será na tarde de hoje, quando haverá novo treino na Toca da Raposa II. Ontem, os titulares no domingo fizeram apenas trabalho interno.


Publicidade