Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Publicidade

Estado de Minas

Coelho preparado até para os pênaltis

Técnico Givanildo Oliveira treinou cobrança de penalidades antes da viagem para Caxias do Sul, onde amanhã o time encara o Juventude, pela Copa do Brasil


postado em 27/02/2019 05:03

Júnior Viçosa admite preferir decidir o jogo nos 90 minutos, mas diz estar pronto caso seja necessário cobrar penalidade(foto: Daniel Hott/América)
Júnior Viçosa admite preferir decidir o jogo nos 90 minutos, mas diz estar pronto caso seja necessário cobrar penalidade (foto: Daniel Hott/América)

 



O América embarcou ontem para Caxias do Sul (RS), onde amanhã, às 21h30, faz jogo único pela segunda fase da Copa do Brasil contra o Juventude. Como a vaga será disputada nos pênaltis se a partida terminar empatada, a equipe deu especial atenção às penalidades antes de viajar: cada um dos jogadores de linha que foi titular na vitória por 2 a 1, de virada, sobre o Boa, pelo Campeonato Mineiro, teve três cobranças.

Mesmo quem não atuou em Varginha se mostra confiante caso a partida seja definida depois do tempo regulamentar, principalmente pelos bons resultados obtidos pela equipe na temporada. “Sempre bati pênaltis e não tenho problemas quanto a isso. Se acontecer, estarei pronto”, afirma o atacante Júnior Viçosa, que admite preferir que a vaga seja conquistada nos 90 minutos. “Queremos vencer no tempo normal. Pênalti é complicado, mas pode ocorrer em decorrência do jogo. Em Roraima, jogamos pelo empate em um campo ruim e conseguimos o resultado que nos favorecia”, completou, referindo-se ao 0 a 0 com o São Raimundo, pela primeira fase.

Ao lado do zagueiro Diego Jussani, o atacante cumpriu suspensão diante do Boa e aguarda definição do técnico Givanildo Oliveira para saber se vai começar amanhã. No domingo, ele deu lugar a Jonatas Belusso. “Estava com um desconforto na coxa, então, esta semana sem jogar foi boa para descansar e me recuperar. Mas agora estou bem, pronto para um jogo importante no qual não podemos errar. A equipe está bem preparada e isso é o mais importante”, diz Viçosa, que viu outro atacante se destacar no domingo: o jovem França, autor dos dois gols americanos.

Quem também está à disposição de Givanildo é o armador Matheusinho, desfalque na partida passada por causa de virose. “Felizmente, estou 100%. A virose foi por causa do calor, estava muito quente. Estou recuperado e pronto para ajudar o América”, diz o prata da casa.

TREINO Hoje, às 16h, Givanildo vai comandar treino no interior gaúcho. Será a última atividade antes da partida com o Juventude e na qual ele deve definir a escalação do time.


URT NA Copa do Brasil
Satisfeito com o empate por 1 a 1 com o Cruzeiro no domingo, o técnico Ito Roque, da URT, usou os últimos dias para recuperar os atletas e prepará-los para a partida de hoje, pela segunda fase da Copa do Brasil. Em Patos de Minas, a equipe receberá o Vila Nova-GO e quem vencer avança para a terceira etapa. Empate no tempo normal leva a definição para os pênaltis. O time goiano terá a estreia do técnico Eduardo Baptista, ex-Palmeiras e Fluminense. O adversário na sequência será Bragantino-PA ou o vencedor de Aparecidense x Ponte Preta – a Aparecidense venceu, porém, a partida foi suspensa e ainda não teve um desfecho no tribunal. O outro time do interior mineiro na competição é o Tombense, que amanhã receberá o Botafogo-PB, às 19h15, em Tombos.


Publicidade