Conteúdo para Assinantes

Continue lendo ilimitado o conteúdo para assinantes do Estado de Minas Digital no seu computador e smartphone.

price

Estado de Minas Digital

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas digital por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Estado de Minas

Coelho ainda invicto e líder

América vence a URT de virada, por 3 a 1, no Independência, e se mantém na ponta do Estadual


postado em 10/02/2019 05:03

Atacante Neto Berola foi o nome da vitória americana sobre a URT, balançando as redes duas vezes no Horto, ontem à noite(foto: Alexandre Guzanshe/EM/D.A Press)
Atacante Neto Berola foi o nome da vitória americana sobre a URT, balançando as redes duas vezes no Horto, ontem à noite (foto: Alexandre Guzanshe/EM/D.A Press)


O América entrou em campo ontem à noite, para enfrentar a URT, no Independência, pressionado pelo triunfo do Atlético mais cedo e tendo a liderança do Campeonato Mineiro ameaçada. Até levou um susto, ao ver o time de Patos de Minas abrir o placar, mas comprovou sua boa fase ao virar a partida, fazer 3 a 1, e manter tanto a ponta no Estadual quanto a invencibilidade na competição.

O nome do jogo foi o atacante Neto Berola, escalado como titular de última hora – ele entrou no lugar de Felipe Azevedo, vetado por causa de uma virose. Pois Berola cumpriu bem o seu papel, com movimentação intensa e marcando os dois primeiros gols do Coelho na noite. Ele saiu de campo satisfeito com seu desempenho e dedicou os gols ao filho Pedro, recém-nascido. “Fiquei dois jogos fora (contra Tupi e Tombense), por causa do nascimento dele. Já estava com saudade de jogar. O professor me deu a oportunidade e aproveitei bem, fazendo dois gols. Trabalhamos direitinho para sair com a vitória e agora é continuar assim nos próximos jogos, para manter a liderança”, disse.

O próximo jogo será, justamente, o clássico com o Cruzeiro, domingo, às 17h, no Horto. Antes, porém, o América encara uma cansativa viagem até Roraima, para enfrentar o São Raimundo na quarta-feira, às 21h30, em partida única pela primeira fase da Copa do Brasil. Mais bem posicionado no ranking da CBF, o Coelho tem a vantagem do empate. Quem vencer encara, na próxima fase, o ganhador do duelo entre Palmas-TO e Juventude.

“Vai ser final, é um jogo só, não tem volta. A oportunidade que a gente tiver, vamos ter de matar o jogo para trazer a classificação”, destacou Berola, que preferiu nem comentar sobre o clássico com a Raposa. “A cabeça, agora, está na Copa do Brasil. O foco tem de ser total, não dá para pensar em clássico.”

VIRADA
Foi a quarta vitória do América em seis jogos no campeonato. O time tem 100% de aproveitamento em casa e mostrou o motivo ontem. A equipe não se abateu ao levar o gol, aos 18min, com Júnior Potiguar. O jogador da URT escapou pela esquerda, se livrou da marcação de Marcelo Toscano e tocou na saída do goleiro Fernando Leal. Foram apenas seis minutos até o empate, com Neto Berola batendo de fora da área.

A virada do Coelho veio aos 38min, em outra boa conclusão de Neto Berola, desta vez de peito, após cruzamento de Matheusinho. O placar foi fechado por Júnior Viçosa aos 25 do segundo tempo, completando cruzamento de França. Com três gols, Viçosa é o artilheiro do América em 2019.


FICHA TÉCNICA
América 3 x 1 URT

América: Fernando Leal; Leandro Silva, Paulão, Diego Jussani e João Paulo; Zé Ricardo, Juninho e Matheusinho (Christian 39 do 2º); Neto Berola (França 18 do 2º), Marcelo Toscano (Ademir 44 do 2º) e Júnior Viçosa
Técnico: Givanildo Oliveira
URT: Marcão; Rodney, Gladstone, Marcos Vinícius e Djalma Silva; Diogo Orlando (Bruno Aquino 41 do 2º); Juninho Potiguar (Kaio Wilker 17 do 2º), Derly e Cascata (Gilson 29 do 2º); Carrara e Reis
Técnico: Ito Roque
6ª rodada do Campeonato Mineiro
Estádio: Independência
Gols:  Juninho Potiguar 18 e Neto Berola 24 e 38 do 1º. Júnior Viçosa 25 do 2º
Árbitro: Paulo César Zanovelli da Silva
Assistentes: Ricardo Junio de Souza e Augusto Magno de Ramos
Cartão amarelo: Reis, Kaio Wilker, Fernando Leal e Gladstone
Público: 1.631
Renda: R$ 6.065
Próximos jogos: Cruzeiro (c), Boa (f) e Tupynambás (c)


Publicidade