Conteúdo para Assinantes

Continue lendo ilimitado o conteúdo para assinantes do Estado de Minas Digital no seu computador e smartphone.

price

Estado de Minas Digital

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas digital por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Estado de Minas

Son Salvador: Tristonho


postado em 29/01/2019 05:02

Claro que o desastre de Brumadinho influenciou negativamente o clássico. Estamos todos consternados, todos lamentando o ocorrido. O jogador de futebol também sofre diante dos dramas e dos destinos que permitem a repetição de catástrofes. Então, vi um clássico manchado pelo rompimento da barragem. Como profissionais, correram, tentaram fazer o seu melhor, mas o freio de mão estava travado pela emoção, pela tristeza. Confesso que nunca havia visto um árbitro sofrer contusão nas duas pernas durante uma partida. E olhem que ele não entrou em dividida, não cobrou falta nem deu carrinho... Tecnicamente não dá para ficar discutindo a atuação do trio de arbitragem depois de tanta pressão durante a última semana. Falaram até em afastar o presidente da FMF. Foi uma forma de encostar o apitador na parede. Resta à FMF esclarecer acusações sofridas. Ou será que às vésperas do próximo clássico teremos o mesmo falatório?

 

LUPA...
Então, foi assim: o primeiro pênalti foi um erro da arbitragem. Fred cavou direitinho, mas sofreu um outro, aí sem dúvida, que a arbitragem não marcou. Ficou parecendo compensação.


ELIAS
Se o Atlético pretende manter o Elias, bem que poderia se reunir com o jogador e acabar com as reclamações. Até para dizer que não pretende prorrogar o contrato ou lhe dar um aumento de salário. O Atlético pretende contar com jogadores do Internacional, só que o clube gaúcho não aceita negociar. Tentar levar o atleticano barato, sem recompensar o Galo devidamente, seria um aliciamento. Além do mais, na verdade, o jogador não teve ainda uma boa sequência de jogos pelo clube que o buscou em Portugal.

 

RODADA
Muito se falou na possibilidade de adiamento da rodada do Campeonato Mineiro. Mas me digam: a TV aceitaria adiar a rodada para ser disputada durante o carnaval? Digo isso porque, apesar do falatório dos dirigentes, quem muda horário e dia de jogo nesse país é a TV patrocinadora. O resto é papo furado.

BAIXARIA
O futebol mineiro não pode regredir. É preciso que os grandes clubes do nosso estado saibam debater soluções sem os arroubos e as acusações fora de propósito. O torcedor não aceita mais a postura birrenta ou o falatório que só pretende tumultuar. O torcedor mineiro merece um nível mais elevado.

JOGOU MUITO

Destaque do Cruzeiro, esse Rafinha parece um menino em início de carreira. Tem velocidade, joga para o time, exerce sua função tática com perfeição e gosta de finalizar. Será peça importante no time do Mano Menezes.

BOM

Adílson foi bem no clássico, soube filtrar as jogadas à frente da zaga atleticana. Mas pecou ao levar dois cartões amarelos em dois minutos.

TUPI OR NOT TUPI
O América não titubeou. Jogando em casa, com uma equipe que vai se acertando, o Coelhão fez a festa, goleou o adversário de Juiz de Fora e assumiu a liderança do Campeonato. Impressionante como o Givanildo sabe ajeitar o América.

NO SUL
O Internacional de Porto Alegre, que fez a cabeça do Messias e está tentando fazer a cabeça do Elias, entrou em campo no domingo e perdeu sua segunda partida pelo Estadual. Pelo jeito, deve ter diretor do clube colorado preparando para acampar em Belo Horizonte. Resta saber se vai trazer o cofre.


Publicidade