Conteúdo para Assinantes

Continue lendo ilimitado o conteúdo para assinantes do Estado de Minas Digital no seu computador e smartphone.

price

Estado de Minas Digital

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas digital por R$ 9,90/mês. Experimente 15 dias grátis >>

Estado de Minas

De bem com a vida

Com três gols marcados, duas assistências e atuações convincentes nas cinco partidas em que atuou depois da cirurgia, Fred deixa a torcida cruzeirense animada para 2019


postado em 23/11/2018 05:05

Fred comemora com os companheiros um dos gols marcados contra o Vitória. Aos 35 anos, o camisa 9 é o maior artilheiro do Brasileiro por pontos corridos, com 142 gols(foto: Juarez Rodrigues/EM/D.A Press)
Fred comemora com os companheiros um dos gols marcados contra o Vitória. Aos 35 anos, o camisa 9 é o maior artilheiro do Brasileiro por pontos corridos, com 142 gols (foto: Juarez Rodrigues/EM/D.A Press)


Maior contratação do Cruzeiro para 2018, o atacante Fred teve o retorno ao clube prejudicado por cirurgia no joelho direito no fim de março. Recuperado, retornou aos gramados em 30 de setembro e desde então fez três gols em cinco jogos, além de ter dado duas assistências, o que faz os cruzeirenses projetarem um 2019 melhor com a presença do artilheiro.

A comissão técnica celeste vem tendo todo o cuidado com o jogador. Mas, diante do que ele apresentou nos últimos dois meses, o auxiliar Sidnei Lobo, que tem comandado o time enquanto o técnico Mano Menezes está em licença médica, já cogita a possibilidade de dar sequência nas duas partidas que restam na temporada, contra Flamengo, domingo, no Mineirão, e Bahia, dia 2, em Salvador.

Tudo dependerá, obviamente, de como o camisa 9, de 35 anos, irá reagir ao esforço feito na goleada por 3 a 0 sobre o Vitória, na noite de quarta-feira, no Mineirão, quando marcou dois gols, sendo um deles de pênalti, e atuou bem.

“Fred dispensa comentários. Sempre foi jogador de área, inteligente, que sabe fazer proteção, dar assistência e que finaliza como poucos. Estamos felizes com o retorno dele. Pode ser que ele apareça novamente no domingo. Mas vamos esperar pelas avaliações”, afirmou o auxiliar técnico celeste.

O jogador se mostra muito satisfeito em ter voltado a jogar e em alto nível. “Estou muito feliz por estar me sentindo 100% novamente. Os dois gols (contra o Vitória) são para minha mulher, Paula, que fez aniversário. Deu para fazer uma média em casa”, disse o atacante.

Ele relata que temeu pelo futuro quando sofreu a grave lesão. Mas, agora, só pensa em seguir jogando e marcando gols, ampliando números importantes, como o de maior artilheiro do Brasileiro de pontos corridos, com 142 gols. Fred está próximo de alcançar Edmundo e Romário, que, com 153 e 154 tentos, são, respectivamente, terceiro e segundo maiores artilheiros da história do Nacional – o recordista é Roberto Dinamite, com 190.

“O pior para mim, que sou atacante, é não estar em campo. Jogando, sei que as jogadas vão sair, as jogadas vão acontecendo, os gols vão aparecendo. Tive um pouco de receio logo depois da contusão. Mas as coisas foram acontecendo, a volta foi difícil, com incômodo, dores no joelho. Mesmo assim queria voltar para os mata-matas da Libertadores e da Copa do Brasil, mas o que me ajudou foi o elenco forte. Agora estou 100%, não sinto dor nenhuma, com muita força, e as coisas estão melhorando”, ponderou Fred.

RETROSPECTO POSITIVO O adversário de domingo traz boas recordações ao goleador. Na primeira passagem pelo Cruzeiro, entre 2004 e 2005, ele marcou três gols em três jogos. Ao todo, são 20 jogos de Fred contra o Flamengo, com seis vitórias, nove empates, cinco derrotas e nove gols marcados.  


MATADOR CONTRA O URUBU
Ano      Clube           Jogos    Gols
2004    Cruzeiro          2          2
2005    Cruzeiro          2          1
2009    Fluminense     3          0
2010    Fluminense     1          0
2011    Fluminense     1          0
2012    Fluminense     2          2
2013    Fluminense     1          0
2014    Fluminense     2          2
2015    Fluminense     2          2
2016    Fluminense     2          0
           Atlético           1          0
2017    Atlético           1          0


Publicidade