Continue lendo os seus conteúdos favoritos.

Assine o Estado de Minas.

price

Estado de Minas

de R$ 9,90 por apenas

R$ 1,90

nos 2 primeiros meses

Utilizamos tecnologia e segurança do Google para fazer a assinatura.

Assine agora o Estado de Minas por R$ 9,90/mês. ASSINE AGORA >>

Publicidade

Estado de Minas Pratos Principais

Bucho recheado

Receita fornecida por Maria Auxiliadora Vieira, de Leopoldina: (32) 3447-2182


postado em 11/10/2009 08:20

Ingredientes:

- 1 bucho pequeno de porco

- 1,5 kg de miúdos de porco (bofe, coração, língua e passarinha)

- Suco de 1 limão

- 1 colher (sopa) de sal

- 2 colheres (sopa) de fubá

- Tempero a gosto

- Meio litro de óleo

- Cheiro-verde a gosto

- 1 xícara (chá) de farinha de mandioca

- Meia cebola picada

- Material

- Linha e agulha grossas

- Onde ficar

- :

- CATAGUASES

- Village(32) 3421-3012

- Spíndola(32) 3422-2229

- Bevile(32) 3429-1000

- Hotel Cataguases(32) 3422-2515

- LEOPOLDINA

- Hotel e Restaurante Bom gosto (Piacatuba)(32) 3447-2277

- LeopoldinaRitz Hotel(32) 3441-4141

- Hotel Alvorada(32) 3441-4231

- Minas Tower(32) 3401-5000

Modo de Preparo:

Lavar o bucho e limpá-lo com uma faca, raspando até ficar com a parte interior lisa. Deixá-lo de molho com limão, sal e fubá por duas horas. Lavar e secar. Lavar os miúdos e picar em pedacinhos. Pôr em uma panela com tempero e água até cobrir e cozinhar. Escorrer e misturar com a farinha, o cheiro-verde e a cebola. Rechear o bucho com esta farofa e costurá-lo. Cozinhar por uma hora, com tempero e água até cobrir.

Depois de cozido, deixar descansar por quatro horas coberto com um pano. Em seguida, levar ao fogo em uma panela com o óleo ainda frio e deixar até dourar, virando dos dois lados. Retirar da gordura e servir.

.



Mineirissíma cozinha de tiradentes

(foto: Jair Amaral/EM)
(foto: Jair Amaral/EM)

Seguindo o rastro da boa fama das cozinhas da Zona da Mata, os viajantes retornam ao distrito de Piacatuba, para, mais uma vez, conferir as belezas e sabores que o histórico lugarejo reserva a quem passa. A anfitriã é a simpática dona Dora, como é conhecida Maria Auxiliadora Vieira Féfano. Nascida e criada em Piacatuba, ela é daquelas cozinheiras de vocação, cujo dom parece ter sido algo recebido as nascer.

Sua especialidade é barrigada de porco e bucho recheado, pratos que faz para atender encomendas que chegam de todas as partes. Segundo ela, a propaganda é feita boca a boca, método inafalível se a comida é boa. Para conseguir os ingredientes, Dora tem que esperar até que algum conhecido mate um porco. Então, lhe dão o estômago, as tripas e os miúdos. A partir da verdadeira alquimia que é a cozinha, ela faz maravilhas com os produtos e não há quem ponha defeito nos chouriços e nos buchos recheados.

Além de cozinhar, Dora dedica parte do seu tempo às artes manuais, que decoram sua casa: panos bordados, terços de fuxico e flores de pano coloridas. Carinhosamente, entrega um dos artigos aos viajantes para que guardem de recordação. Nem precisaria. Apenas abrir sua casa e revelar os segredos das panelas já são motivo para ninguém esquecer a visita.

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade