Publicidade

Estado de Minas ATAQUE À DEMOCRACIA

Maia sobre ameaça de Braga Netto: 'A história insiste em se repetir'

Ministro da Defesa teria enviado recado ao presidente da Câmara, Arthur Lira, dizendo que não haveria eleições em 2022 sem voto impresso


22/07/2021 18:01 - atualizado 22/07/2021 18:43

Rodrigo Maia relembrou nas redes sociais sua experiência com a ditadura militar(foto: Agência Brasil/Reprodução)
Rodrigo Maia relembrou nas redes sociais sua experiência com a ditadura militar (foto: Agência Brasil/Reprodução)
O ex-presidente da  Câmara dos Deputados Rodrigo Maia (DEM-RJ) usou as redes sociais, nesta quinta-feira (22/7), para comentar as últimas notícias envolvendo o ministro da Defesa, Walter Braga Netto.
 

De acordo com reportagem do Estado de S Paulo, publicada nesta quinta, Braga Netto enviou recado ao presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), em 8 de julho, por meio de um interlocutor que não teve o nome revelado.

Na ocasião, o general estava acompanhado dos comandantes do Exército, da Marinha e da Aeronáutica e pediu ao interlocutor para comunicar a quem interessasse que não haveria o pleito de 2022 sem a adoção do voto impresso.

“O Brasil espera uma manifestação do ministro da Defesa e dos comandantes das Forças Armadas sobre a grave reportagem de hoje”, escreveu Maia.

O deputado ainda contou sua história com a ditadura. “Nasci no Chile porque meu pai foi perseguido pela ditadura. Acompanhamos de perto o desenrolar do golpe do Pinochet, em 73. A história é implacável e ela insiste em se repetir”, disse. 

“Lá, um dos epicentros da crise que levou ao golpe foi a mudança no comando do Exército. Por aqui, o presidente tirou um general legalista, Fernando Azevedo, e o substituiu por um general personalista, que faz tudo o que ele deseja.”
 
 

Braga Netto negou que tenha enviado o recado. Ao chegar ao Ministério da Defesa, o general limitou-se a dizer que se trata de uma "invenção".


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade