Publicidade

Estado de Minas LEGISLATIVO MUNICIPAL

Câmara de BH: Duda Salabert e Nikolas batem boca por uso de máscara

Vereadora Professora Duda Salabert (PDT) acusou Nikolas Ferreira (PRTB) de estar em plenário sem a proteção por 15 minutos; embate foi parar nas redes sociais


17/06/2021 13:01 - atualizado 17/06/2021 13:57

Nikolas Ferreira em momento de resposta à Duda Salabert por conta do uso da máscara(foto: Karoline Barreto/Câmara Municipal de Belo Horizonte)
Nikolas Ferreira em momento de resposta à Duda Salabert por conta do uso da máscara (foto: Karoline Barreto/Câmara Municipal de Belo Horizonte)
O uso de máscara no plenário da Câmara Municipal de Belo Horizonte tomou parte da reunião dessa quarta-feira (16), a penúltima deste mês de junho, que durou cerca de uma hora e 25 minutos. A vereadora Professora Duda Salabert (PDT) acusou o vereador Nikolas Ferreira (PRTB) de estar sem a proteção por 15 minutos.

Com cerca de 40 minutos de sessão, Duda falou ao microfone a respeito da situação que, segundo ela, aconteceu, desrespeita o número de mortos pela COVID-19 no Brasil (493.693) e afronta os protocolos de segurança ao infringir as normas de saúde pública.

Nikolas se defendeu, negou o fato, disse que estava bebendo água e afirmou que a vereadora estaria com falta de assunto.

Duda, por sua vez, retornou ao microfone e disse que havia muitos assuntos, mas que esse ponto não deveria passar em branco. Nikolas também foi novamente ao púlpito e reafirmou que a posição da colega era demagógica, que buscava palanque e citou as manifestações contra o governo federal, que reuniram milhares de pessoas em 29 de maio em diversas cidades, como contraponto à indignação.

Posteriormente, Duda usou as redes sociais para se queixar do embate: “Adoraria debater sobre avanço da vacinação, sobre estratégias de crescimento econômico para a cidade, mas tive que usar meu tempo de fala para exigir o básico: que o vereador usasse máscara”.

Nikolas também foi às redes e se posicionou mais uma vez sobre o debate: “Indignação seletiva para cima de mim? Então toma”, escreveu, com um vídeo do momento da discussão.

Nessa quarta, os vereadores aprovaram, em segundo turno, um projeto de lei que estabelece novo regime disciplinar de servidores públicos da administração direta e indireta de Belo Horizonte.

A próxima sessão plenária da Câmara de BH acontece na segunda-feira (21/6), de forma extraordinária, quando projetos sobre Proposta de Emenda à Lei Orgânica (Pelo), recuperação econômica e Refis serão apreciados.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade