Publicidade

Estado de Minas MEIO AMBIENTE

'Nós somos o país que mais preserva a questão ambiental', diz Bolsonaro

Em transmissão ao vivo, presidente diz que Brasil fica muito atrás dos países que mais emitem gás carbônico


29/04/2021 19:44 - atualizado 29/04/2021 20:06

Bolsonaro falou sobre as críticas que os próprios brasileiros colocam sobre a preservação ambiental(foto: Reprodução/Youtube)
Bolsonaro falou sobre as críticas que os próprios brasileiros colocam sobre a preservação ambiental (foto: Reprodução/Youtube)
O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) voltou a afirmar, nesta quinta-feira (29/4), que o Brasil é um dos países que mais preservam a questão ambiental. A afirmação foi feita em transmissão ao vivo nas redes sociais.
 
Ele esteve acompanhado do presidente da Fundação Nacional do Índio (Funai), Marcelo Xavier. O chefe do Executivo fez comparação do Brasil com outros países em relação à emissão de gás carbônico.

"A China emite 30%, os Estados Unidos, 15%, a Índia, 7%, e o Brasil, menos de 3%. Quem é mais patrulhado no mundo? China, Estados Unidos, Índia, Alemanha ou o Brasil? O Brasil. E por que isso? É um jogo econômico. Somos um dos países que mais preservam a questão ambiental. E o que é triste é gente do próprio Brasil entubar essa narrativa”, disse. 

Bolsonaro se mostrou incomodado com o excesso de críticas sobre o fato de o país não preservar seu ambiente, sobretudo, a Amazônia: “Entra governo e sai governo, as críticas saem de dentro para fora”. 

Ele também lembrou que existe um forte preconceito contra os povos indígenas, que têm dificuldade de escoar a produção de soja.

“A discriminação com o índio vem de fora. Igual falamos da Europa, que é tão zelosa com o Brasil. Quanto ela tem preservado de matas naturais? Eu não vou dizer aqui, porque posso errar o número. O que temos no Brasil é infinitamente menor. Qual é a matriz de energia da Europa, da Alemanha, por exemplo? Ninguém tem uma matriz mais limpa que a nossa", afirmou.
 
Vídeo em inglês 

Recentemente, a Associação dos Povos Indígenas do Brasil (Apib) publicou um vídeo em inglês direcionado ao presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, pedindo que o chefe de estado desista de um suposto acordo com o Brasil em relação à preservação da Amazônia. A publicação foi compartilhada por artistas como Anitta, Mark Ruffalo.

No acordo, o Brasil deve receber recursos em troca de proteger a Amazônia. Bolsonaro, no entanto, já mencionou que quer investir na mineiração na região, além da exploração comercial do território e a diminuição da proteção das áreas indígenas.
 


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade