Publicidade

Estado de Minas SENADO FEDERAL

Rodrigo Pacheco vence Simone Tebet e é eleito presidente do Senado

Representante mineiro teve maioria dos votos e comandará o Senado Federal no biênio 2021-2022


01/02/2021 18:55 - atualizado 01/02/2021 21:00

Rodrigo Pacheco está no primeiro mandato como senador da República(foto: Jefferson Rudy/Senado Federal)
Rodrigo Pacheco está no primeiro mandato como senador da República (foto: Jefferson Rudy/Senado Federal)
O senador Rodrigo Pacheco (DEM-MG) é o novo presidente do Senado Federal. Ele derrotou a parlamentar Simone Tebet (MDB-MS), por 57 a 21 votos, e comandará uma das casas do Congresso Nacional no biênio 2021-2022. Ele substitui Davi Alcolumbre (DEM-AP) no cargo.
 
Jorge Kajuru (Cidadania-GO), Lasier Martins (Podemos-RS) e Major Olímpio (PSL-SP) também se colocaram como candidatos, mas renunciaram à candidatura para apoiar Tebet. O senador que tivesse a maioria dos votos (40 dos 78 possíveis) seria eleito.
 
Chico Rodrigues (DEM-RR), afastado desde outubro de 2020, quando foi flagrado pela polícia com dinheiro ilegal entre as nádegas, não exerceu voto. Foi o caso também dos parlamentares Jarbas Vasconcelos (MDB-PE) e Jaques Wagner (PT-BA), ambos ausentes por recomendação médica.
 
Rodrigo Pacheco conseguiu se eleger após forte cordão de apoio, que foi do presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), até partidos de oposição, como o PT. O mineiro também foi apoiado pelo antecessor e correligionário, Davi Alcolumbre.

Pacheco tem 44 anos, nasceu na cidade de Porto Velho, na capital de Rondônia, mas foi criado no município de Passos, na Região Sul de Minas Gerais. Ele exerce o primeiro mandato como senador, já que foi eleito em 2018 com 20,49% dos votos válidos.

Formado em Direito, elegeu-se deputado federal em 2014 e chegou a presidir a comissão de Constituição e Justiça da Câmara. Pacheco também tentou a Prefeitura de Belo Horizonte em 2016, mas foi derrotado por Alexandre Kalil (PSD).
 
Ele dá início aos trabalhos no Congresso na quarta-feira (03/02), por meio de reunião solene conjunta da Câmara e do Senado. Antes, nesta terça-feira (02/02), os demais membros da Mesa Diretora serão definidos.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade