Publicidade

Estado de Minas TRENDING TOPICS

Renan Calheiros desperta a ira de ex-bolsonaristas ao falar em 'grande legado' do presidente

Adversário de Bolsonaro, senador medebista fala sobre extinção da Lava-Jato como 'grande legado' do presidente


07/10/2020 09:36 - atualizado 07/10/2020 11:39

Senador Renan Calheiros acena com elogios para o presidente Jair Bolsonaro(foto: Flickr)
Senador Renan Calheiros acena com elogios para o presidente Jair Bolsonaro (foto: Flickr)

O senador Renan Callheiros (MDB/AL) provocou a ira de ex-bolsonaristas na noite dessa terça-feira (6) ao elogiar o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) em entrevista a rede CNN.

Ex-apoiadores do presidente reagiram aos elogios do senador com uma enxurrada de comentários nas redes sociais, colocando o senador entre os assuntos mais comentados no Twitter, na manhã desta quarta-feira (7). (Veja o vídeo no final dessa matéria)

"Não estou apoiando, não sou da base do governo, mas acho que o Jair Bolsonaro, para além das diferenças que nós temos, ele pode deixar um grande legado para o Brasil que é o desmonte desse estado policialesco", disse  Renan, se referindo ao enfraquecimento e até extinção da operação Lava-Jato.

O vídeo foi divulgado pelo jornalista Felipe Moura Brasil, que foi banido, em fevereiro de 2019, do grupo que ajudou a eleger Bolsonaro. O estopim para a explusão foi a entrevista que realizou na Jovem Pan o ex-minsitro e aliado de Bolsonaro, Gustavo Bebianno.

 

Governista


Acostumado a integrar a base dos governos desde a redemocratização - ele foi aliado dos governos Fernando Collor (Pros), Itamar Franco Fernando Henrique Cardoso (PSDB), Luiz Inácio Lula da Silva (PT), Dilma Rousseff (PT) e José Sarney (MDB)-, o senador Renan Calheiros (MDB/AL)frequentador contumaz do noticiário político desde que perdeu a reeleição para o cargo de presidente do Senado para Davi Alcolumbre (MDB), em 2019.

O senador medebista responde a processos desencadeados pela Lava-Jato, acusado de corrupção passiva e de lavagem de dinheiro. Renan foi reeleito senador em 2018 sob a sombra da Operação Lava-Jato.

Moro e Aras


O senador fez elogios ao presidente após ser peguntado sobre a reeleição de Bolsonaro.

"Ele ( Bolsonaro) já encandeou várias medidas, desde o Coaf, a questão da Receita, a nomeação do Aras para a chefia do Ministério Público, a demissão do Moro, agora a nomeação do Kassio", disse Renan.

Para o senador, essas medidas sinalizam "o grande legado" que Bolsonaro pode deixar para o Brasil. "Que é o desmonte desse sistema que causou muitas vítimas nos últimos anos e tentou substituir a política nacional e graças a Deus não conseguiu”, disse Renan.


receba nossa newsletter

Comece o dia com as notícias selecionadas pelo nosso editor

Cadastro realizado com sucesso!

*Para comentar, faça seu login ou assine

Publicidade